Resumo Trabalho

EFEITOS DO MÉTODO RP2 ALIADO A DANÇA SOBRE A QUALIDADE DE VIDA E FLEXIBILIDADE DE MULHERES IDOSAS

Autor(es): CAMILA RODRIGUES COSTA, CRISTIANO ISRAEL CAETANO, JOSÉ FRANCISO LÓPEZ-GIL, FERNANDO RENATO CAVICHIOLLI, KAIO FELIPE RODRIGUES DE LIMA, LUDIANY FERNANDA NEIVA, HENRIQUE IZAIAS MARCELO, ÉVERTON ALEX CARVALHO ZANUTO

O ESTUDO TEVE COMO OBJETIVO ANALISAR A QUALIDADE DE VIDA E O GANHO DE FLEXIBILIDADE EM MULHERES IDOSAS, A PARTIR DE INTERVENÇÕES COM O MÉTODO RP2 ALIADO A DANÇA. TRATA-SE DE UMA PESQUISA DE CAMPO, DO TIPO TRANSVERSAL. NESTE ESTUDO PARTICIPARAM 18 IDOSAS, COM FAIXA ETÁRIA ENTRE 60 E 81 ANOS, QUE FREQUENTAVAM A ASSOCIAÇÃO DOS APOSENTADOS E PENSIONISTAS, LOCALIZADA EM UMA CIDADE DO INTERIOR DO ESTADO DE SÃO PAULO. INICIALMENTE, FOI APLICADO, INDIVIDUALMENTE, O TESTE SENTAR E ALCANÇAR E O QUESTIONÁRIO DE QUALIDADE DE VIDA SF-36. POSTERIORMENTE, FORAM REALIZADAS 30 INTERVENÇÕES, POR MEIO DO MÉTODO RP2 ALIADO A DANÇA, TRÊS VEZES POR SEMANA, COM DURAÇÃO DE 60 MINUTOS, NA PRÓPRIA ASSOCIAÇÃO, DURANTE TRÊS MESES. APÓS O PERÍODO DE INTERVENÇÃO O QUESTIONÁRIO E O TESTE SENTAR E ALCANÇAR FORAM REAPLICADOS, A FIM DE IDENTIFICAR SE HOUVERAM MUDANÇAS EM RELAÇÃO À PERCEPÇÃO SOBRE A QUALIDADE DE VIDA E O GANHO DE FLEXIBILIDADE DAS PARTICIPANTES. PARA ANÁLISE DOS DADOS FOI REALIZADO UMA ANÁLISE DESCRITIVA (FREQUÊNCIA, MÉDIA E DESVIO PADRÃO). PARA COMPARAÇÃO DAS VARIÁVEIS ANALISADAS FOI UTILIZADO O TESTE T PAREADO E OS DADOS FORAM ARMAZENADOS E ANALISADOS POR MEIO DO PROGRAMA SPSS, VERSÃO 15.0, ADOTANDO UM NÍVEL DE SIGNIFICÂNCIA DE 5%. OS RESULTADOS INDICARAM QUE APÓS AS INTERVENÇÕES PROPOSTAS PELO MÉTODO RP2 ALIADO A DANÇA, HOUVE RESULTADOS SIGNIFICATIVOS EM RELAÇÃO À APLICAÇÃO DO QUESTIONÁRIO SF-36 PRÉ E PÓS INTERVENÇÃO, PODENDO DESTACAR DIFERENÇAS ESTATÍSTICAS EM TRÊS DOMÍNIOS, SENDO ELES: LIMITAÇÃO POR ASPECTO FÍSICO ONDE O ESCORE PRÉ INTERVENÇÃO FOI DE 69,44 ± 42,4 E AO FINAL 87,50 ± 32,3, NO ASPECTO EMOCIONAL QUE A PRIORI APRESENTOU 75,88 ± 40,9 E AO FINAL DA INTERVENÇÃO FOI CONSTATADO 98,16 ± 7,7 E, POR ULTIMO O DOMÍNIO RELACIONADO A SAÚDE MENTAL QUE TEVE UM ESCORE INICIAL DE 80,44 ± 18,8 E NA AVALIAÇÃO FINAL 90,88 ± 9,3. HOUVE TAMBÉM MELHORA SIGNIFICATIVA EM RELAÇÃO À FLEXIBILIDADE, QUE APRESENTOU NA PRIMEIRA AVALIAÇÃO UMA MEDIANA DE 26,39 ± 8,1 E AO FINAL DAS INTERVENÇÕES O ESCORE FOI DE 30,55 ± 9,4. DESTA FORMA, PODE-SE INFERIR QUE O MÉTODO RP2 ALIADO À DANÇA PODE OCASIONAR EFEITOS EM RELAÇÃO À PERCEPÇÃO DA QUALIDADE DE VIDA E GANHO DE FLEXIBILIDADE.

Veja o artigo completo: PDF