Resumo Trabalho

UTILIZAÇÃO DOS PRESSUPOSTOS TEÓRICOS DA APRENDIZAGEM MOTORA POR PROFESSORES DE EDUCAÇÃO FÍSICA DO ENSINO FUNDAMENTAL

Autor(es): MARCELA DE CASTRO FERRACIOLI, CRISTIANO ISRAEL CAETANO, JOSÉ FRANCISO LÓPEZ-GIL, FERNANDO RENATO CAVICHIOLLI, GABRIEL ALEXANDRE BARBOSA PEREIRA, DANIEL TRAINA GAMA

AS HABILIDADES MOTORAS E SEU ENSINO ESTÃO INSERIDOS NO CONTEXTO DA EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR (EFE) NO ENSINO FUNDAMENTAL DE TAL MANEIRA QUE AS ENCONTRAMOS NO BLOCO DENOMINADO CONHECIMENTO SOBRE O CORPO, DOS PARÂMETROS CURRICULARES NACIONAIS. ASSIM, FAZ-SE NECESSÁRIA A UTILIZAÇÃO DOS CRITÉRIOS DE ORGANIZAÇÃO DA PRÁTICA, SEGUNDO OS PRESSUPOSTOS TEÓRICOS DA ÁREA DA APRENDIZAGEM MOTORA (AM), PARA O ALCANCE DOS OBJETIVOS DO PROFESSOR EM RELAÇÃO AO DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM DAS HABILIDADES MOTORAS NA EFE. NO ENTANTO, EVIDÊNCIAS MOSTRAM CERTO AFASTAMENTO ENTRE OS CONHECIMENTOS ABORDADOS NO ÂMBITO DA FORMAÇÃO INICIAL E A PRÁTICA DO PROFESSOR, REVERBERANDO NO PROCESSO DE APRENDIZAGEM DE HABILIDADES MOTORAS DOS ALUNOS. ASSIM, OS OBJETIVOS DO PRESENTE ESTUDO FORAM ANALISAR A UTILIZAÇÃO DOS CRITÉRIOS DA ORGANIZAÇÃO DA PRÁTICA DAS HABILIDADES MOTORAS NO CONTEXTO DA EFE E O CONHECIMENTO DOS PROFESSORES DA EFE ACERCA DA AM. PARTICIPARAM DO ESTUDO 17 PROFESSORES DE EFE ATUANTES NO ENSINO FUNDAMENTAL NA CIDADE DE MARACANAÚ/CE. FORAM PROPOSTOS E UTILIZADOS DOIS QUESTIONÁRIOS COMO INSTRUMENTOS DE COLETA DE DADOS. O QUESTIONÁRIO 1 CONTINHA QUESTÕES ACERCA DO ANO DE FORMAÇÃO, TEMPO DE DOCÊNCIA, SE TEVE DISCIPLINAS DA ÁREA DO COMPORTAMENTO MOTOR (CM) NA SUA FORMAÇÃO E SOBRE APLICAÇÃO DOS CRITÉRIOS DE ORGANIZAÇÃO DA PRÁTICA NAS AULAS DE EFE: FRAGMENTAÇÃO; DISTRIBUIÇÃO/ESPAÇAMENTO; E VARIABILIDADE DA PRÁTICA. O QUESTIONÁRIO 2 CONTINHA SETE AFIRMATIVAS SOBRE ESSES CRITÉRIOS DE ORGANIZAÇÃO DA PRÁTICA EM QUE OS PARTICIPANTES PRECISAVAM RESPONDER VERDADEIRO/FALSO. ANÁLISE QUALITATIVA FOI UTILIZADA PARA APRESENTAR OS RESULTADOS DAS QUESTÕES DO QUESTIONÁRIO 1. ALÉM DISSO, ANÁLISE QUANTITATIVA, COM ESTATÍSTICA DESCRITIVA, FOI UTILIZADA PARA APRESENTAR AS INFORMAÇÕES SOBRE OS PROFESSORES CONTIDAS NO QUESTIONÁRIO 1 E A FREQUÊNCIA RELATIVA DE ACERTOS ÀS AFIRMATIVAS CONTIDAS NO QUESTIONÁRIO 2. OS RESULTADOS MOSTRARAM QUE A FORMAÇÃO DOS PARTICIPANTES SE DEU, EM MÉDIA, HÁ 7,3 ANOS (±2,9), QUE LECIONAM, EM MÉDIA, HÁ 6,6 ANOS (±2,8) E QUE 13 DELES TIVERAM DISCIPLINAS DA ÁREA DO CM. ALÉM DISSO, DE MODO GERAL, OS PROFESSORES APONTARAM UTILIZAR OS CRITÉRIOS INVESTIGADOS NA ORGANIZAÇÃO DA PRÁTICA PARA O ENSINO DAS HABILIDADES MOTORAS. NO ENTANTO, ELES PARECEM NÃO FAZER ISSO DE FORMA SISTEMATIZADA NO SEU PLANEJAMENTO E NEM DIRECIONADA PARA A AM ESPECIFICAMENTE. APESAR DISSO, 93,3% (N=14) DOS PARTICIPANTES ACERTARAM MAIS DA METADE DO QUESTIONÁRIO 2 E A MAIOR DIFICULDADE DE COMPREENSÃO DOS PROFESSORES DIZ RESPEITO AO CRITÉRIO DISTRIBUIÇÃO/ESPAÇAMENTO NA ORGANIZAÇÃO DA PRÁTICA. A PRESENTE PESQUISA MOSTROU QUE OS PROFESSORES DE EFE DO ENSINO FUNDAMENTAL CONHECEM CONCEITUALMENTE OS CRITÉRIOS DE ORGANIZAÇÃO DA PRÁTICA, MAS NÃO APONTARAM UTILIZÁ-LOS PARA APRENDIZAGEM DE HABILIDADES MOTORAS NA ESCOLA.

Veja o artigo completo: PDF