Resumo Trabalho

DESENVOLVIMENTO DA UNIDADE DE ENSINO DE HANDEBOL NA SEGUNDA FASE DO ENSINO FUNDAMENTAL: EXPERIÊNCIA DE UM BOLSISTA PIBID.

Autor(es): DIEGO TAVARES FERREIRA DA CONCEIÇÃO, CRISTIANO ISRAEL CAETANO, JOSÉ FRANCISO LÓPEZ-GIL, FERNANDO RENATO CAVICHIOLLI, JOSÉ HENRIQUE

NA ATUALIDADE, MUITAS ESCOLAS CARECEM DE ESPAÇOS E ESTRUTURAS ADEQUADAS PARA PRÁTICAS DAS AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA. ISSO A LONGO PRAZO PODE COMPROMETER O DESENVOLVIMENTO MOTOR DOS INDIVÍDUOS, ALÉM DE RESTRINGIR A ABRANGÊNCIA DAS VIVÊNCIAS DOS ALUNOS EM CONTEÚDOS DA CULTURA CORPORAL, EM QUE MENINOS PRATICAM APENAS FUTSAL E MENINAS NÃO SE INTERESSAM TANTO PELAS AULAS. ESTE RELATO DE EXPERIÊNCIA VISA DESCREVER AS EXPERIÊNCIAS VIVENCIADAS POR UM BOLSISTA DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO A DOCÊNCIA, NO DESENVOLVIMENTO DO CONTEÚDO HANDEBOL EM NOVAS TURMAS RECÉM CRIADAS EM UMA ESCOLA PÚBLICA MUNICIPAL DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, QUE QUE POSSUI BOA ESTRUTURA COM QUADRA POLIESPORTIVA E MATERIAIS COMO BOLAS, CONES E COLETES. O HANDEBOL É UM DESPORTO EXTREMAMENTE POPULAR E PRATICADO EM LARGA ESCALA NAS ESCOLAS, POR SER FÁCIL DE APRENDER E ENSINAR, REUNINDO ELEMENTOS BÁSICOS DO MOVIMENTO HUMANO COMO CORRER, SALTAR E ARREMESSAR. DEVIDO A SUA SIMPLICIDADE, OS ALUNOS, EM GERAL, CONSEGUEM DOMINAR RAPIDAMENTE A DINÂMICA DO JOGO. AS TURMAS DE 6° E 7° ANO, FORMADAS POR ALUNOS VINDOS DE OUTRAS ESCOLAS DA REGIÃO JÁ O CONHECIAM, EMBORA CARECESSEM DE MAIOR DOMÍNIO DE COMPETÊNCIAS MOTORAS E DAS REGRAS. ASSIM, SUPERVISIONADO POR UMA PROFESSORA-ORIENTADORA, AS AULAS AO LONGO DO BIMESTRE FORAM PRÁTICAS E TEÓRICAS. O CONTEÚDO TEÓRICO FOI REFERENTE AO CAMPO DE JOGO, O RECONHECIMENTO DAS LINHAS E SUAS FUNÇÕES E REGRAS. NA PRIMEIRA AULA PRATICA FOI REALIZADO UM JOGO DIAGNÓSTICO, PARA AMBAS AS TURMAS, AFIM DE RECONHECER O NÍVEL DE CONHECIMENTO E DOMÍNIO DOS ESTUDANTES SOBRE A MODALIDADE ESPORTIVA. AS AULAS PRÁTICAS FORAM FOCADAS NOS FUNDAMENTOS BÁSICOS, COM EDUCATIVOS REFERENTE A PASSES PICADO E DE OMBRO, RECEPÇÃO ALTA E BAIXA, DRIBLE E ARREMESSOS COM APOIO E COM SALTO. AO FIM DAS AULAS, OS ALUNOS TINHAM A OPORTUNIDADE DE REALIZAR UMA PRÁTICA DIRIGIDA, COM AS TURMAS DIVIDIDAS EM EQUIPES MASCULINAS E FEMININAS, SENDO ESSE O MOMENTO MAIS ESPERADO POR PARTE DOS ALUNOS. AO FIM DO BIMESTRE PERCEBEU-SE BOA ACEITAÇÃO DA MODALIDADE PELOS ALUNOS, HAVENDO GRANDE PARTICIPAÇÃO DE MENINOS E MENINAS, EM ESPECIAL DESSE ÚLTIMO GRUPO. CONCLUIU-SE QUE O HANDEBOL É UM DESPORTO ADEQUADO PARA O AMBIENTE ESCOLAR, UMA VEZ QUE É CAPAZ DE PROMOVER LUDICIDADE, DESENVOLVER HABILIDADES MOTORAS, CRIAR LAÇOS SÓCIO-AFETIVOS, ALÉM DE JÁ ESTAR PRESENTE NA CULTURA DE DIVERSAS ESCOLAS. AS EXPERIÊNCIAS PERMITIRAM AO BOLSISTA PIBID MANIPULAR ELEMENTOS DIDÁTICO-PEDAGÓGICOS DO ENSINO-APRENDIZAGEM, A EXEMPLO DO PLANEJAMENTO EM DIFERENTES NÍVEIS, GESTÃO DO ENSINO E AVALIAÇÃO DAS APRENDIZAGENS. ESTE TRABALHO FOI REALIZADO COM APOIO DA COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR – BRASIL (CAPES) – EDITAL 07/2018 – PIBID.

Veja o artigo completo: PDF