Resumo Trabalho

PERCEPÇÃO DOS ALUNOS DE EDUCAÇÃO FÍSICA SOBRE O PROJETO INTEGRADOR NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES

Autor(es): RUI ANDERSON COSTA MONTEIRO, CRISTIANO ISRAEL CAETANO, JOSÉ FRANCISO LÓPEZ-GIL, FERNANDO RENATO CAVICHIOLLI

A FORMAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA PARA ATUAR NA EDUCAÇÃO BÁSICA OCORRE POR MEIO DO CURSO DE LICENCIATURA PAUTADO NAS DIRETRIZES CURRICULARES PARA A FORMAÇÃO DE PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA (BRASIL, 2002). A FIM DE ATENDER TAMANHA COMPLEXIDADE DE FORMAÇÃO, UM INSTRUMENTO INTERESSANTE É O PROJETO INTEGRADOR (PI) ESTABELECIDO NO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO DO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA DA UNINOVE DESENVOLVIDO NOS DOIS PRIMEIROS SEMESTRES SOB A SUPERVISÃO DE UM PROFESSOR ORIENTADOR E SUBSIDIADO PELOS COMPONENTES CURRICULARES DOS RESPECTIVOS PERÍODOS LETIVOS. COMO OBJETIVO DE PESQUISA APRESENTAMOS A VERIFICAÇÃO DA PERCEPÇÃO DOS ALUNOS SOBRE O PROJETO INTEGRADOR; DISCUSSÃO SOBRE OS DESAFIOS DOS ALUNOS DURANTE O DESENVOLVIMENTO DO TRABALHO E; ANÁLISE DAS POSSÍVEIS CONTRIBUIÇÕES À FORMAÇÃO. O PROCESSO METODOLÓGICO CONSISTIU NUMA PESQUISA DE CARÁTER EXPLORATÓRIA A PARTIR DA ANÁLISE QUALITATIVA DE 37 QUESTIONÁRIOS SEMIESTRUTURADOS, DOS 40 ENVIADOS AOS ALUNOS (VIA E-MAIL). OS ALUNOS PARTICIPANTES REALIZARAM AS ATIVIDADES NO ANO DE 2018. INICIALMENTE O PROJETO INTEGRADOR FUNDAMENTOU-SE EM INTERVENÇÕES PRÁTICAS EM ENTIDADES SOCIAIS E/OU ESCOLAS PÚBLICAS DE EDUCAÇÃO BÁSICA E, POSTERIORMENTE AMADURECEU PARA O PROJETO DE CRIAÇÃO DE BRINQUEDOS (CAIXAS DE BRINQUEDOS) A SEREM ENTREGUES À INSTITUIÇÃO DE ATENDIMENTO À INFÂNCIA. OS BRINQUEDOS FORAM PLANEJADOS E CONFECCIONADOS UTILIZANDO MATERIAIS ADAPTADOS E RECICLADOS. OS QUESTIONÁRIOS APRESENTARAM AS SEGUINTES AFIRMAÇÕES SOBRE O PI PARA A FORMAÇÃO: APRENDE-SE A ORGANIZAR OS CONHECIMENTOS DESENVOLVIDOS DURANTE O SEMESTRE E ELABORAR TRABALHOS DE FORMA COLETIVA. O PROJETO INTEGRADOR PROPICIA A AMPLIAÇÃO DA CONVIVÊNCIA, INTEGRA POSSÍVEIS ALUNOS MENOS PARTICIPATIVOS E COOPERA PARA ENTENDER O COMPLEXO PROCESSO DE ORGANIZAÇÃO DE UM TRABALHO EM GRUPO. A APRENDIZAGEM É DINÂMICA E EM GRUPO OBSERVAMOS REGRAS DE CONVIVÊNCIA, DIVISÃO DAS TAREFAS, NOMEAÇÃO DE LIDERANÇA, DEFINIÇÃO DE CALENDÁRIO, ETC. EM RELAÇÃO AOS PONTOS NEGATIVOS, O TEMPO É MUITO CURTO PARA EFETIVAÇÃO DE UM PROJETO DESSE PORTE; FAZ-SE NECESSÁRIA A PRESENÇA MAIS EFETIVA DO PROFESSOR RESPONSÁVEL PARA MEDIAÇÃO E INCENTIVO AO PENSAMENTO CRÍTICO. AINDA TEMOS A FALTA DE COMPROMETIMENTO DE ALGUNS ALUNOS E A DIFICULDADE PARA RESOLVERMOS CONFLITOS DURANTE O TRABALHO. INDEPENDENTEMENTE DAS DIFERENÇAS IDEOLÓGICAS, DE FORMAÇÃO E CONCEPÇÃO SOBRE CURRÍCULO, O TRABALHO EM TORNO DO PROJETO INTEGRADOR TEM SIDO CONSIDERADO SATISFATÓRIO, E APESAR DA COMPLEXIDADE, TORNOU-SE COMPONENTE CURRICULAR DE RELEVÂNCIA NA FORMAÇÃO DO PROFESSOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA, DIGNO DE ELOGIOS POR PARTE DOS ALUNOS E PROFESSORES. OBVIAMENTE QUE PERMANECEMOS NUM CAMINHO NO QUAL NÃO EXISTEM CERTEZAS, MAS O TRABALHO, O DIÁLOGO, A VALORIZAÇÃO DA CIÊNCIA, O RESPEITO PELAS DIFERENÇAS, A RESPONSABILIDADE SOCIAL E O APREÇO ÀS INSTITUIÇÕES NOS FORTALECEM E CONTRIBUEM PARA ENFRENTARMOS OS PERCALÇOS DA FORMAÇÃO UNIVERSITÁRIA E NOS TORNARMOS PROFISSIONAIS MELHORES.

Veja o artigo completo: PDF