Resumo Trabalho

O MODELO SPORT EDUCATION NO ENSINO DO HANDEBOL: POSSIBILIDADES PARA O ENSINO MÉDIO.

Autor(es): MATEUS HENRIQUE SERVILHA DE LUCCA, CRISTIANO ISRAEL CAETANO, JOSÉ FRANCISO LÓPEZ-GIL, FERNANDO RENATO CAVICHIOLLI, GUY GINCIENE, FERNANDA MORETO IMPOLCETTO

O esporte tem sido considerado como uma das prÁticas corporais mais tematizadas na EducaÇÃo FÍsica escolar. No entanto, o ensino ainda tem-se baseado na abordagem tradicional, que permanece legitimada especialmente em decorrÊncia do processo histÓrico de constituiÇÃo da disciplina. Ao considerar-se que a etapa de ensino que mais apresenta dificuldades, a EducaÇÃo FÍsica no Ensino MÉdio carece de intervenÇÕes pedagÓgicas que fixe sua autenticidade e faz-se necessÁrio pensar em alternativas que facilitem e incentivem o processo de ensino e aprendizagem. Com essa perspectiva, a Pedagogia do Esporte tem investigado e ampliado as possibilidades de compreensÃo do fenÔmeno esportivo e colaborado com metodologias atuais, que visam aumentar os conhecimentos direcionados Às intervenÇÕes pedagÓgicas. O modelo Sport Education tem como concepÇÃo central educar os alunos para alÉm dos aspectos procedimentais, propondo um modelo alternativo para as aulas de EducaÇÃo FÍsica na escola, que proporcione uma experiÊncia esportiva autÊntica e significativa. A organizaÇÃo do modelo ocorre por meio de caracterÍsticas oriundas do esporte institucionalizado, que incorporados ao ambiente escolar recebem um tratamento pedagÓgico, a fim de estimular os ambientes de aprendizagem. Acredita-se que a utilizaÇÃo de novas abordagens de ensino que auxiliem o professor e priorizem o aluno como centro do processo de ensino e aprendizagem, colaborem para uma prÁtica pedagÓgica que motiva e aproxima os jovens. O objetivo dessa pesquisa É dialogar sobre as possibilidades de implementaÇÃo do modelo Sport Education para o ensino do handebol nas aulas de EducaÇÃo FÍsica do Ensino MÉdio de uma escola tÉcnica estadual. A fim de conhecer as particularidades deste processo, o estudo desenvolveu-se por meio de uma pesquisa participante, caracterizado de natureza qualitativa. Utilizou-se como tÉcnica para coleta de dados: (a)observaÇÃo participante e o (b)grupo focal. De forma geral, os resultados da implementaÇÃo confirmam que o modelo Sport Education favoreceu o processo de ensino e aprendizagem do handebol e promoveu experiÊncias esportivas significativas, que aumentaram a motivaÇÃo e participaÇÃo dos jovens do Ensino MÉdio. Conclui-se, que o modelo utilizado para o ensino do esporte mostrou-se como uma possibilidade adequada para realidade escolar brasileira, capaz de propiciar o conhecimento da modalidade e ainda estimular a participaÇÃo dos alunos. Entende-se que se faz necessÁrio ampliar as experiÊncias em diferentes ambientes e realidades, para conhecer outras possibilidades e dificuldades de se trabalhar com a proposta.

Veja o artigo completo: PDF