Resumo Trabalho

PRODUÇÕES EM REVISTAS INTERNACIONAIS SOBRE ESPORTES DE RAQUETE E EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR

Autor(es): CAMILA CARDOSO, CRISTIANO ISRAEL CAETANO, JOSÉ FRANCISO LÓPEZ-GIL, FERNANDO RENATO CAVICHIOLLI, MAIRIN DEL CORTO MOTTA, TAISA BELLI, GUY GINCIENE, LARISSA RAFAELA GALATTI

IntroduÇÃo: De acordo com o documento da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), um dos conteÚdos indicados para as aulas de EducaÇÃo FÍsica escolar deve ser o conjunto de esportes de rede e parede de rebote, cuja lÓgica interna É a de enviar um implemento (bola ou peteca) para quadra (espaÇo) adversÁria com intuito de dificultar a devoluÇÃo do oponente. Dentre as modalidades que integram essa mesma lÓgica estÃo o voleibol, tÊnis, tÊnis de mesa, badminton e squash por exemplo. Tradicionalmente o voleibol jÁ É uma modalidade trabalhada no ambiente escolar, mas qual serÁ a realidade das demais modalidades jogadas com raquetes? Objetivo: Verificar o nÚmero de publicaÇÕes sobre a EducaÇÃo FÍsica escolar relacionado com os principais esportes de raquete, bem como a origem, idioma e modalidade predominante nessas publicaÇÕes. Metodologia: Foi realizado o estado da arte nos periÓdicos nacionais e internacionais indexados na Qualis Capes na Área 21 (EducaÇÃo FÍsica) sem limite inferior para data de publicaÇÃo e com data limite mÁxima de dezembro de 2018. Foram utilizados para a busca os termos-chave: badminton, squash, tÊnis, tÊnis de mesa, esportes de rede, esportes de raquete e esportes com raquete, em portuguÊs, inglÊs e espanhol. Resultados: Foram encontrados 237 artigos que continham os termos em seu tÍtulo, resumo ou palavra chave. Desses, 207 artigos foram analisados e o restante excluÍdo por nÃo se tratarem de esportes de raquete. Da totalidade de artigos encontrados, 16 (7,7%) foram categorizados como sendo do campo da EducaÇÃo FÍsica Escolar. Apenas 1 dos artigos (6,2%) sobre EducaÇÃo FÍsica Escolar foi produzido por um primeiro autor brasileiro, enquanto a maioria das publicaÇÕes É de origem dos Estados Unidos da AmÉrica, sendo 8 publicaÇÕes (50,0%). A FranÇa foi responsÁvel por 3 artigos (18,7%), 2 artigos foram publicados pela BÉlgica (12,5%), 1 pelo Uruguai (6,2%) e 1 pela AustrÁlia (6,2%). A maior parte dos artigos foi publicado em inglÊs, havendo 14 publicaÇÕes (87,5%). Houveram tambÉm 1 publicaÇÃo em portuguÊs (6,2%) e 1 publicaÇÃo em espanhol (6,2%). O esporte mais abordado foi o badminton com 8 publicaÇÕes (50,0%), 3 das publicaÇÕes abordaram o tÊnis (18,7%), 3 estudos citaram em conjunto esportes coletivos e individuais (18,7%), 1 estudo abordou o tÊnis de mesa (6,2%) e 1 estudo abordou esportes individuais em conjunto (6,2%). ConclusÃo: Tendo em vista a indicaÇÃo da BNCC e a maior afinidade entre o voleibol e a escola, observa-se uma carÊncia de publicaÇÕes sobre EducaÇÃo FÍsica Escolar e esportes de raquete. Dentre estas publicaÇÕes, metade das produÇÕes É de origem norte-americana, assim como o idioma inglÊs e a modalidade badminton sÃo predominantes. No Brasil observamos uma Única publicaÇÃo existente sobre tÊnis, nos mostrando a necessidade de estudos que tematizem e produzam conhecimento para subsidiar a prÁtica dos esportes de raquete no ambiente escolar.

Veja o artigo completo: PDF