Resumo Trabalho

AUTO EFICÁCIA: ANÁLISE DE PUBLICAÇÕES DOS ÚLTIMOS 10 ANOS

Autor(es): BRUNA FEITOSA DE OLIVEIRA, CRISTIANO ISRAEL CAETANO, JOSÉ FRANCISO LÓPEZ-GIL, FERNANDO RENATO CAVICHIOLLI, KAUAN GALVÃO MORÃO, GUILHERME BAGNI, JOACKS DE PAULA LEMOS FILHO, FERNANDO DE LIMA FABRIS, AFONSO ANTONIO MACHADO

A auto eficÁcia consiste na percepÇÃo do indivÍduo sobre sua capacidade de realizar determinada tarefa e estÁ intimamente ligada À percepÇÃo de autoconfianÇa. Este conceito estÁ inserido dentro da Teoria Social Cognitiva, criada por Albert Bandura, e tem sido utilizado em estudos de diversas Áreas, como educaÇÃo, medicina, esporte e saÚde. Deste modo, o objetivo deste estudo foi analisar quais temas tÊm sido abordados em pesquisas recentes relacionando a auto eficÁcia e esportes ou exercÍcio fÍsico. Para tanto, foi utilizado como metodologia a revisÃo sistemÁtica. Foi escolhido como base de dados o PeriÓdicos da CAPES e utilizado como descritores as palavras “self-efficacy” e “sport” e os critÉrios de inclusÃo da pesquisa foram a presenÇa do primeiro descritor no tÍtulo do artigo, estar relacionado com o tema esporte ou exercÍcio fÍsico, ser escrito em inglÊs e estar dentro do recorte de 2009 e 2019. Foram selecionados 325 artigos que se enquadravam nos critÉrios e nÃo eram repetidos. O tema mais abordado dentre os artigos estava relacionado ao exercÍcio fÍsico, correspondendo a 59,3% das publicaÇÕes, sendo em sua maioria pesquisas relacionadas com a motivaÇÃo para engajar-se em uma prÁtica de atividade fÍsica, e dentro deste recorte os pÚblicos alvo sÃo diversos, abrangendo crianÇas e jovens, indivÍduos obesos, mulheres grÁvidas, adultos com doenÇas crÔnicas e idosos. O segundo tema com maior volume de pesquisas foi o esporte, correspondendo a 22,4% das publicaÇÕes, e dentro desta porcentagem havia estudos que investigam a aprendizagem motora, esportes individuais e coletivos e habilidades psicolÓgicas relacionadas ao esporte. Em terceiro lugar, trÊs temas contribuÍram individualmente com 5,5%, o que corresponde a 15,1% das publicaÇÕes, e nestes temas estÃo inclusas as lesÕes esportivas, validaÇÕes de questionÁrios e educaÇÃo fÍsica escolar. No que se refere Às lesÕes, grande parte das pesquisas dedicou-se a investigar a relaÇÃo entre a auto eficÁcia e o medo de retornar À prÁtica de atividades fÍsicas ou esporte. Nas pesquisas que focaram na validaÇÃo de questionÁrios para avaliar auto eficÁcia, foi abordado desde a influÊncia da auto eficÁcia em esportes endurance atÉ seu efeito na escolha e persistÊncia da prÁtica de atividade fÍsica por variados grupos Étnicos e com diferentes caracterÍsticas. Na educaÇÃo fÍsica escolar os temas mais abordados estavam relacionados com a auto eficÁcia dos professores de educaÇÃo fÍsica em lecionar e da auto eficÁcia dos alunos em participar ativamente das aulas de educaÇÃo fÍsica. E, por fim, o tema lazer correspondeu a 1,5% das publicaÇÕes e seus desdobramentos se relacionaram prioritariamente com temas de atividades de aventura e engajamento em atividades relacionadas ao lazer. O que se pode concluir a partir destes dados É que o tema mais abordado foi a relaÇÃo entre a auto eficÁcia e o engajamento em alguma atividade fÍsica, visando compreender o que leva uma pessoa a escolher uma ou outra atividade.

Veja o artigo completo: PDF