Resumo Trabalho

DIABETES MELLITUS E NÍVEL DE ATIVIDADE FÍSICA IMPACTAM NEGATIVAMENTE SOBRE PERDA DE PRODUTIVIDADE LABORAL ENTRE ADULTOS COM DOENÇAS CARDIOVASCULARES ATENDIDOS PELO SUS

Autor(es): LIONAI LIMA DOS SANTOS , CRISTIANO ISRAEL CAETANO, JOSÉ FRANCISO LÓPEZ-GIL, FERNANDO RENATO CAVICHIOLLI, MONIQUE YNDAWE CASTANHO ARAUJO, ANDRÉ LUCAS SERVO BENTO, IZABELA DOS SANTOS FERRO, LUÍS FERNANDO DA SILVA, JAMILE SANCHES CODOGNO

Diabetes Mellitus (DM) relaciona-se diretamente ao aparecimento de doenças cardiovasculares, e atividade fisica surge como fator contribuinte para seu tratamento. Tendo ambos impactos em despesas diretas e indiretas relacionadas à saúde. O objetivo foi verificar associação entre diagnóstico de DM, nível de atividade física e custos com perda de produtividade laboral (PP), entre adultos com doenças cardiovasculares atendidos pela rede pública de saúde. A amostra foi composta por 307 adultos com diagnóstico de doenças cardiovasculares, com idade entre 30 e 65 anos. Presença de DM foi verificada por meio de questionário. Por meio de informações reportadas sobre prática de atividades físicas ocupacionais, exercícios físicos durante tempo de lazer e atividades físicas de locomoção, gerou-se escore denominado nível de atividade física habitual (AFH). Para fins de análise estatística, amostra foi classificada acima (≥P75) e abaixo (

Veja o artigo completo: PDF