Artigo Anais VI CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

VERSOS, RIMAS E ASSOMBRAÇÃO: A LITERATURA POPULAR NA SALA DE AULA DO SEMIÁRIDO PIAUIENSE

Palavra-chaves: LITERATURA POPULAR, CORDEL, CONTOS DE ASSOMBRAÇÃO, SEMIÁRIDO PIAUIENSE Comunicação Oral (CO) GT 03 - História da Educação Publicado em 24 de outubro de 2019

Resumo

RESUMO OS TRABALHOS DE LEITURA, ANÁLISE E INTERPRETAÇÃO DE CONTOS, ROMANCES E COMÉDIAS, REALIZADOS NAS ESCOLAS DO SEMIÁRIDO PIAUIENSES, TRADICIONALMENTE PRIORIZAM A LITERATURA CONSIDERADA ERUDITA EM DETRIMENTO DA LITERATURA POPULAR LOCAL, NEGANDO-LHE, DESSA FORMA, A DEVIDA IMPORTÂNCIA NO CENÁRIO EDUCACIONAL E CULTURAL DA REGIÃO. ESTE ARTIGO TEM COMO OBJETIVO DISCUTIR O PAPEL DA LITERATURA POPULAR COMO UM REFERENCIAL TEÓRICO ANALÍTICO FACILITADOR DO PROCESSO DE CONSTRUÇÃO DE UMA IDENTIDADE LOCAL ENTRE OS ALUNOS DO ENSINO FUNDAMENTAL, ASSIM COMO, APRESENTAR OS RESULTADOS PARCIAIS DE UMA PESQUISA DE CAMPO QUE INTENCIONA FAZER O REGISTRO DE DIFERENTES MODALIDADES DE LITERATURA POPULAR NO ESPAÇO GEOGRÁFICO EM ESTUDO. NA PERSPECTIVA DE CONSTRUÇÃO DESSE TRABALHO FIZEMOS USO DE REFERENCIAIS TEÓRICO CONCEITUAIS PERTINENTES A HISTÓRIA DAS PRÁTICAS CULTURAIS DE CHARTIER (1990), ARTICULADOS AOS ESTUDOS DE HISTÓRIA REGIONAL FEITOS POR CAPRINI (2014) QUE ENFATIZA A NECESSIDADE DE PESQUISAR ESPAÇOS, TEXTOS E CONTEXTOS POUCOS VALORIZADOS PELA CULTURA ACADÊMICA. COMO RESULTADO, APRESENTAMOS AS DISCUSSÕES FEITAS POR LUTYEN (1996) SOBRE A LITERATURA POPULAR COMO UMA PRÁTICA CULTURAL REALIZADA PELO O POVO, TENDO COMO CARACTERÍSTICA UMA LINGUAGEM REGIONAL QUE EXPRESSA AS EXPERIÊNCIAS VIVENCIADAS ROTINEIRAMENTE POR CADA AUTOR, E DOS LEITORES, SENDO POSSÍVEL A IDENTIFICAÇÃO CULTURAL, SOCIAL, ECONÔMICA E POLÍTICA DO INDIVÍDUO NO CONTEXTO HISTÓRICO E ESPACIAL EM QUE VIVE. POR FIM, EXPOMOS A LITERATURA POPULAR COMO PRODUZIDA POR DOIS MESTRES DO SEMIÁRIDO PIAUIENSE, A SABER: LITERATURA DE CORDEL E CONTOS DE ASSOMBRAÇÃO.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.