Artigo Anais III CIEH

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-0854

Visualizações: 250
ALTERAÇÕES NOS COMPONENTES DA SÍNDROME METABÓLICA EM MULHERES IDOSAS

Palavra-chaves: IDOSO, SÍNDROME METABÓLICA, DOENÇA CRÔNICA Pôster (PO) Atenção integral à saúde: promoção, prevenção, tratamento e reabilitação do idoso Publicado em 15 de junho de 2013

Resumo

INTRODUÇÃO: O envelhecimento é uma condição que favorece o surgimento de fatores de risco para determinadas doenças. A síndrome metabólica é um conjunto de alterações cuja prevalência é marcante em grupos de idosos, favorecendo o surgimento de manifestações cardiovasculares. As mulheres idosas constituem um grupo de risco para algumas doenças cardíacas, principalmente devido à perda da proteção dos hormônios femininos após a menopausa. OBJETIVO: Verificar a presença de alterações nos componentes da síndrome metabólica em idosas. MÉTODOS: Estudo transversal com 286 idosas residentes em Campina Grande, Paraíba. A amostra foi selecionada em múltiplos estágios por sorteio sistemático. Foi realizado inquérito domiciliar e avaliação clínico/laboratorial. Para classificação quanto àpresença ou não de síndrome metabólica foram utilizados os critérios do Third Report of the National Cholesterol Education Program Expert Panelon Detection, Evaluation and Treatmentof High Blood Cholesterol in Adults (NCEP–ATP III). As análises foram realizadas utilizando o SPSS versão 17.0. RESULTADOS: Das 286 idosas estudadas, 151 (52,8%) eram de cor branca; 131 (45,8%) eram casadas, 140 (49%) pertenciam ao grupo etário entre 60 e 69 anos e 131 (45,8%) tinham estudado de 1 a 4 anos. Quanto ao uso de medicamentos para controle de alterações nos componentes da síndrome metabólica, 200 (69,9) usavam anti-hipertensivo, 33 (11,5%) usavam hipolipemiantes e 42 (14,7%) usavam hiperglicemiantes. Participaram da análise das alterações dos componentes da síndrome metabólica 236 mulheres, destas 146(61,86%) apresentaram alteração em 3 ou mais componentes da síndrome metabólica. CONCLUSÃO: A presença de alterações nos componentes da síndrome metabólica é marcante nas mulheres. O envelhecimento favorece o aparecimento de algumas dessas alteraçõese as mulheresidosas constituem um grupo de risco para presença de síndrome metabólica. A detecção precoce é importante naprevenção de eventos e complicações relacionados à doença, nesta população específica.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.