Artigo Anais I CONBRACIS

ANAIS de Evento

ISSN: 2525-6696

REDE DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE DO MUNICÍPIO DE PAU DOS FERROS/RN: AVALIAÇÃO A PARTIR DO ROL DE DIRETRIZES, OBJETIVOS, METAS E INDICADORES 2014

Palavra-chaves: ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE, REDE DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE, INDICADORES Comunicação Oral (CO) AT-07: SAÚDE COLETIVA
"2016-06-15 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 19449
    "edicao_id" => 43
    "trabalho_id" => 79
    "inscrito_id" => 1621
    "titulo" => "REDE DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE DO MUNICÍPIO DE PAU DOS FERROS/RN: AVALIAÇÃO A PARTIR DO ROL DE DIRETRIZES, OBJETIVOS, METAS E INDICADORES 2014"
    "resumo" => "Este estudo objetivou analisar a Atenção Primária à Saúde e a rede de assistência de Pau dos Ferros/RN, tomando como base indicadores de saúde do município.  Estudo transversal, com análise descritiva, a partir de dados coletados nos sistemas PNUD, SIM, SIH, IBGE, CNES, PDR-RN e dos indicadores de cobertura da Atenção Básica – saúde da mulher – e Saúde Bucal – escovação supervisionada e exodontia – do rol de diretrizes, objetivos, metas e indicadores 2014. O município apresentou 100% de cobertura da Atenção Básica/Saúde Bucal no referido ano. Conta com 92 estabelecimentos de saúde, 104 leitos hospitalares e 1.393 profissionais de nível superior. Apresentou 63,3% de internações por condições sensíveis a Atenção Básica, 76,9% de nascidos vivos com mais de 7 consultas de pré-natal, 10,3% de partos normais, 1,28 testes para sífilis por gestante, 2 óbitos infantis, média de 0,34 escovação supervisionada, 19.49% de procedimentos de exodontia. Conclui-se que na Atenção Básica as gestantes estão sendo captadas e tendo acesso aos serviços de pré-natal, porém há uma quebra na coordenação do cuidado e na integralidade quando chega em outro nível de complexidade. Na Saúde Bucal percebe-se que há uma grande fragilidade na assistência odontológica na qual os indicadores demonstram negligência dos princípios da integralidade e acesso de primeiro contato. É necessário priorizar as ações de prevenção às doenças e promoção da saúde, além de fortalecer a rede de assistência à saúde para garantir o cumprimento dos atributos do primeiro contato, coordenação do cuidado e integralidade."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "AT-07: SAÚDE COLETIVA"
    "palavra_chave" => "ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE, REDE DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE, INDICADORES"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV055_MD1_SA7_ID1621_28042016233250.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:05"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:28:11"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "DÉBORAH KAROLLYNE RIBEIRO RAMOS"
    "autor_nome_curto" => "DÉBORAH RAMOS"
    "autor_email" => "deborah.ribeiro.ramos@gma"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-i-conbracis"
    "edicao_nome" => "Anais I CONBRACIS"
    "edicao_evento" => "Congresso Brasileiro de Ciências da Saúde"
    "edicao_ano" => 2016
    "edicao_pasta" => "anais/conbracis/2016"
    "edicao_logo" => "5e4a005a0a41f_16022020235418.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1844e6a6a1a_22072020105342.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2016-06-15 00:00:00"
    "publicacao_id" => 29
    "publicacao_nome" => "Anais Conbracis"
    "publicacao_codigo" => "2525-6696"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 19449
    "edicao_id" => 43
    "trabalho_id" => 79
    "inscrito_id" => 1621
    "titulo" => "REDE DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE DO MUNICÍPIO DE PAU DOS FERROS/RN: AVALIAÇÃO A PARTIR DO ROL DE DIRETRIZES, OBJETIVOS, METAS E INDICADORES 2014"
    "resumo" => "Este estudo objetivou analisar a Atenção Primária à Saúde e a rede de assistência de Pau dos Ferros/RN, tomando como base indicadores de saúde do município.  Estudo transversal, com análise descritiva, a partir de dados coletados nos sistemas PNUD, SIM, SIH, IBGE, CNES, PDR-RN e dos indicadores de cobertura da Atenção Básica – saúde da mulher – e Saúde Bucal – escovação supervisionada e exodontia – do rol de diretrizes, objetivos, metas e indicadores 2014. O município apresentou 100% de cobertura da Atenção Básica/Saúde Bucal no referido ano. Conta com 92 estabelecimentos de saúde, 104 leitos hospitalares e 1.393 profissionais de nível superior. Apresentou 63,3% de internações por condições sensíveis a Atenção Básica, 76,9% de nascidos vivos com mais de 7 consultas de pré-natal, 10,3% de partos normais, 1,28 testes para sífilis por gestante, 2 óbitos infantis, média de 0,34 escovação supervisionada, 19.49% de procedimentos de exodontia. Conclui-se que na Atenção Básica as gestantes estão sendo captadas e tendo acesso aos serviços de pré-natal, porém há uma quebra na coordenação do cuidado e na integralidade quando chega em outro nível de complexidade. Na Saúde Bucal percebe-se que há uma grande fragilidade na assistência odontológica na qual os indicadores demonstram negligência dos princípios da integralidade e acesso de primeiro contato. É necessário priorizar as ações de prevenção às doenças e promoção da saúde, além de fortalecer a rede de assistência à saúde para garantir o cumprimento dos atributos do primeiro contato, coordenação do cuidado e integralidade."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "AT-07: SAÚDE COLETIVA"
    "palavra_chave" => "ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE, REDE DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE, INDICADORES"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV055_MD1_SA7_ID1621_28042016233250.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:05"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:28:11"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "DÉBORAH KAROLLYNE RIBEIRO RAMOS"
    "autor_nome_curto" => "DÉBORAH RAMOS"
    "autor_email" => "deborah.ribeiro.ramos@gma"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-i-conbracis"
    "edicao_nome" => "Anais I CONBRACIS"
    "edicao_evento" => "Congresso Brasileiro de Ciências da Saúde"
    "edicao_ano" => 2016
    "edicao_pasta" => "anais/conbracis/2016"
    "edicao_logo" => "5e4a005a0a41f_16022020235418.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1844e6a6a1a_22072020105342.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2016-06-15 00:00:00"
    "publicacao_id" => 29
    "publicacao_nome" => "Anais Conbracis"
    "publicacao_codigo" => "2525-6696"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 15 de junho de 2016

Resumo

Este estudo objetivou analisar a Atenção Primária à Saúde e a rede de assistência de Pau dos Ferros/RN, tomando como base indicadores de saúde do município. Estudo transversal, com análise descritiva, a partir de dados coletados nos sistemas PNUD, SIM, SIH, IBGE, CNES, PDR-RN e dos indicadores de cobertura da Atenção Básica – saúde da mulher – e Saúde Bucal – escovação supervisionada e exodontia – do rol de diretrizes, objetivos, metas e indicadores 2014. O município apresentou 100% de cobertura da Atenção Básica/Saúde Bucal no referido ano. Conta com 92 estabelecimentos de saúde, 104 leitos hospitalares e 1.393 profissionais de nível superior. Apresentou 63,3% de internações por condições sensíveis a Atenção Básica, 76,9% de nascidos vivos com mais de 7 consultas de pré-natal, 10,3% de partos normais, 1,28 testes para sífilis por gestante, 2 óbitos infantis, média de 0,34 escovação supervisionada, 19.49% de procedimentos de exodontia. Conclui-se que na Atenção Básica as gestantes estão sendo captadas e tendo acesso aos serviços de pré-natal, porém há uma quebra na coordenação do cuidado e na integralidade quando chega em outro nível de complexidade. Na Saúde Bucal percebe-se que há uma grande fragilidade na assistência odontológica na qual os indicadores demonstram negligência dos princípios da integralidade e acesso de primeiro contato. É necessário priorizar as ações de prevenção às doenças e promoção da saúde, além de fortalecer a rede de assistência à saúde para garantir o cumprimento dos atributos do primeiro contato, coordenação do cuidado e integralidade.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.