Artigo Anais I CONBRACIS

ANAIS de Evento

ISSN: 2525-6696

ESTUDO DE UTILIZAÇÃO DE MEDICAMENTOS EM CRIANÇAS NA ATENÇÃO BÁSICA NO MUNICÍPIO DE CUITÉ-PB

Palavra-chaves: FARMACOEPIDEMIOLOGIA, PRESCRIÇÕES DE MEDICAMENTOS, PEDIATRIA Comunicação Oral (CO) AT-03: FARMÁCIA
"2016-06-15 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1638
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 19169
    "edicao_id" => 43
    "trabalho_id" => 343
    "inscrito_id" => 2694
    "titulo" => "ESTUDO DE UTILIZAÇÃO DE MEDICAMENTOS EM CRIANÇAS NA ATENÇÃO BÁSICA NO MUNICÍPIO DE CUITÉ-PB"
    "resumo" => "Estudos de utilização de medicamentos são realizados para a obtenção de informações que contribuam para a melhoria da saúde da população. A maioria dos medicamentos prescritos em pediatria não foram adequadamente estudados e tendo em vista o número limitado de ensaios clínicos com crianças é importante se conhecer a utilização de medicamentos nesta faixa etária. Este estudo teve como objetivo descrever a utilização de medicamentos em pediatria no município de Cuité-PB. Trata-se de um estudo exploratório e transversal e descritivo, realizado entre novembro de 2014 e março de 2015. Das 93 crianças participantes, 59,1% pertenciam ao sexo feminino e a média de idade foi 4,1 anos. A mãe foi a principal representante (77,4%) e a renda familiar predominante foi inferior a 1 salário mínimo (75,3%). A ESF foi a mais referida para consultas (52,7%) e a Farmácia Básica o local para a aquisição dos medicamentos (80,6%). A maioria das crianças (38,7%) consultaram um médico 5 vezes ou mais no ano anterior. Foram registrados 171 itens de prescrição, os antibacterianos para uso sistêmico foram a classe mais prevalente (36,8%) e a azitromicina (17,0%), ibuprofeno (12,9%) e amoxicilina (8,8%) os medicamentos mais prescritos. Duas crianças faziam uso de medicamentos de forma crônica e apenas uma interação medicamentosa foi detectada. Verificou-se que o uso de antibióticos é bastante frequente na população estudada, fazendo-se necessária a sensibilização dos prescritores em relação ao uso destes medicamentos e seu impacto na população infantil do referido município."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "AT-03: FARMÁCIA"
    "palavra_chave" => "FARMACOEPIDEMIOLOGIA, PRESCRIÇÕES DE MEDICAMENTOS, PEDIATRIA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV055_MD1_SA3_ID2694_02052016232149.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:05"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:28:10"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ALINE BARBOSA DA SILVA"
    "autor_nome_curto" => "ALINE BARBOSA"
    "autor_email" => "aline_barbosa1@live.com"
    "autor_ies" => "UFCG"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-i-conbracis"
    "edicao_nome" => "Anais I CONBRACIS"
    "edicao_evento" => "Congresso Brasileiro de Ciências da Saúde"
    "edicao_ano" => 2016
    "edicao_pasta" => "anais/conbracis/2016"
    "edicao_logo" => "5e4a005a0a41f_16022020235418.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1844e6a6a1a_22072020105342.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2016-06-15 00:00:00"
    "publicacao_id" => 29
    "publicacao_nome" => "Anais Conbracis"
    "publicacao_codigo" => "2525-6696"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 19169
    "edicao_id" => 43
    "trabalho_id" => 343
    "inscrito_id" => 2694
    "titulo" => "ESTUDO DE UTILIZAÇÃO DE MEDICAMENTOS EM CRIANÇAS NA ATENÇÃO BÁSICA NO MUNICÍPIO DE CUITÉ-PB"
    "resumo" => "Estudos de utilização de medicamentos são realizados para a obtenção de informações que contribuam para a melhoria da saúde da população. A maioria dos medicamentos prescritos em pediatria não foram adequadamente estudados e tendo em vista o número limitado de ensaios clínicos com crianças é importante se conhecer a utilização de medicamentos nesta faixa etária. Este estudo teve como objetivo descrever a utilização de medicamentos em pediatria no município de Cuité-PB. Trata-se de um estudo exploratório e transversal e descritivo, realizado entre novembro de 2014 e março de 2015. Das 93 crianças participantes, 59,1% pertenciam ao sexo feminino e a média de idade foi 4,1 anos. A mãe foi a principal representante (77,4%) e a renda familiar predominante foi inferior a 1 salário mínimo (75,3%). A ESF foi a mais referida para consultas (52,7%) e a Farmácia Básica o local para a aquisição dos medicamentos (80,6%). A maioria das crianças (38,7%) consultaram um médico 5 vezes ou mais no ano anterior. Foram registrados 171 itens de prescrição, os antibacterianos para uso sistêmico foram a classe mais prevalente (36,8%) e a azitromicina (17,0%), ibuprofeno (12,9%) e amoxicilina (8,8%) os medicamentos mais prescritos. Duas crianças faziam uso de medicamentos de forma crônica e apenas uma interação medicamentosa foi detectada. Verificou-se que o uso de antibióticos é bastante frequente na população estudada, fazendo-se necessária a sensibilização dos prescritores em relação ao uso destes medicamentos e seu impacto na população infantil do referido município."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "AT-03: FARMÁCIA"
    "palavra_chave" => "FARMACOEPIDEMIOLOGIA, PRESCRIÇÕES DE MEDICAMENTOS, PEDIATRIA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV055_MD1_SA3_ID2694_02052016232149.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:05"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:28:10"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ALINE BARBOSA DA SILVA"
    "autor_nome_curto" => "ALINE BARBOSA"
    "autor_email" => "aline_barbosa1@live.com"
    "autor_ies" => "UFCG"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-i-conbracis"
    "edicao_nome" => "Anais I CONBRACIS"
    "edicao_evento" => "Congresso Brasileiro de Ciências da Saúde"
    "edicao_ano" => 2016
    "edicao_pasta" => "anais/conbracis/2016"
    "edicao_logo" => "5e4a005a0a41f_16022020235418.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1844e6a6a1a_22072020105342.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2016-06-15 00:00:00"
    "publicacao_id" => 29
    "publicacao_nome" => "Anais Conbracis"
    "publicacao_codigo" => "2525-6696"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 15 de junho de 2016

Resumo

Estudos de utilização de medicamentos são realizados para a obtenção de informações que contribuam para a melhoria da saúde da população. A maioria dos medicamentos prescritos em pediatria não foram adequadamente estudados e tendo em vista o número limitado de ensaios clínicos com crianças é importante se conhecer a utilização de medicamentos nesta faixa etária. Este estudo teve como objetivo descrever a utilização de medicamentos em pediatria no município de Cuité-PB. Trata-se de um estudo exploratório e transversal e descritivo, realizado entre novembro de 2014 e março de 2015. Das 93 crianças participantes, 59,1% pertenciam ao sexo feminino e a média de idade foi 4,1 anos. A mãe foi a principal representante (77,4%) e a renda familiar predominante foi inferior a 1 salário mínimo (75,3%). A ESF foi a mais referida para consultas (52,7%) e a Farmácia Básica o local para a aquisição dos medicamentos (80,6%). A maioria das crianças (38,7%) consultaram um médico 5 vezes ou mais no ano anterior. Foram registrados 171 itens de prescrição, os antibacterianos para uso sistêmico foram a classe mais prevalente (36,8%) e a azitromicina (17,0%), ibuprofeno (12,9%) e amoxicilina (8,8%) os medicamentos mais prescritos. Duas crianças faziam uso de medicamentos de forma crônica e apenas uma interação medicamentosa foi detectada. Verificou-se que o uso de antibióticos é bastante frequente na população estudada, fazendo-se necessária a sensibilização dos prescritores em relação ao uso destes medicamentos e seu impacto na população infantil do referido município.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.