Artigo Anais XII CONAGES

ANAIS de Evento

ISSN: 2177-4781

TERAPIA AFIRMATIVA CENTRADA NA PESSOA: UMA PROPOSTA

Palavra-chaves: TERAPIA AFIRMATIVA, ABORDAGEM CENTRADA NA PESSOA, POPULAÇÃO LGBT Comunicação Oral (CO) Gênero, Sexualidades e Produção do conhecimento. Publicado em 08 de junho de 2016

Resumo

O presente trabalho tem como finalidade apresentar as possibilidades de uma integração teórica entre os conceitos da Terapia Afirmativa LGBT com os pressupostos da Abordagem Centrada na Pessoa. Objetivando um atendimento mais focado as necessidades específicas do segmento LGBT da nossa sociedade. A Terapia afirmativa é uma proposta terapêutica que focaliza atender qualquer pessoa da população LGBT de forma positiva, afirmativa e despatologizada, entendendo que as identidades Trans e as orientações homossexuais e bissexuais são tão legitimas e nada inferior à heterossexualidade. Já a Abordagem Centrada na Pessoa é um sistema de psicoterapia humanista, desenvolvido por Carl Rogers, que postula a crença básica de que o cerne da personalidade humana é positivo com tendência a auto-realização. Este autor desenvolveu três posturas facilitadoras da tendência atualizante no contexto terapêutico: aceitação incondicional, empatia e congruência, que poderá ser utilizada na promoção da saúde psicológica da população LGBT. A construção de uma clínica da diversidade de gênero e sexual, no enfoque da ACP, integrado com os pressupostos da Terapia Afirmativa é uma das possibilidades que esta integração teórica propõe. A postura afirmativa que está alicerçada nas mais novas pesquisas no campo do gênero e sexualidade, juntamente com os pressupostos teóricos e técnicos de uma abordagem cientifica, com mais de 70 anos de utilização, nos proporcionará este empreendimento desafiador. Esperamos que futuras construções teóricas venham aprofundar esta temática, bem como o desenvolvimento de pesquisas que possam avaliar a eficácia desta integração na prática clínica,visando construir epistemologicamente uma versão da Terapia Afirmativa Centrada na Pessoa.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.