Artigo Anais IV CIEH

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-0854

A FISIOTERAPIA TRABALHANDO A PREVENÇÃO DE ACIDENTES DOMÉSTICOS COM UM GRUPO DE IDOSOS NUMA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE DA FAMÍLIA EM CAMPINA GRANDE: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA

Palavra-chaves: ENVELHECIMENTO, PROMOÇÃO DA SAÚDE, FISIOTERAPIA, ACIDENTES DOMÉSTICOS Pôster (PO) Fisioterapia Gerontológica
"2015-09-24 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 11935
    "edicao_id" => 36
    "trabalho_id" => 1107
    "inscrito_id" => 1159
    "titulo" => "A FISIOTERAPIA TRABALHANDO A PREVENÇÃO DE ACIDENTES DOMÉSTICOS COM UM GRUPO DE IDOSOS NUMA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE DA FAMÍLIA EM CAMPINA GRANDE: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA"
    "resumo" => "Introdução: Com o processo de senescência o indivíduo idoso está mais susceptível aos acidentes domésticos devido ao desenvolvimento das alterações funcionais tais como alterações da postura e da marcha, alterações da acuidade visual, em decorrência de catarata, glaucoma e perda da visão noturna, contribuem para a perda da visão noturna, contribuem para a perda de orientações visuais usadas pelos idosos para mover-se com segurança¹. As quedas constituem a principal causa de morte e de invalidez por trauma nos doentes com idade superior a 75 anos. Porém, as variáveis mais importantes que contribuem para quedas em idosos são as barreiras físicas no seu ambiente, como pisos escorregadios degraus, calçado inadequado e pouca iluminação ². Objetivos: Este estudo teve como objetivo sensibilizar os idosos para prevenção de acidentes domésticos e informar suas principais consequências. Metodologia: Foi realizada uma roda de conversa entre acadêmicos do curso de fisioterapia de uma Instituição de ensino superior com um grupo de idosos de 23 pessoas, sendo apenas um homem, realizado na UBSF do monte castelo na cidade de Campina Grande, onde foi abordado a prevenção de acidentes domésticos mais comuns nesta faixa etária destacando as quedas, queimaduras térmicas e engasgo e a demonstração de seus primeiros socorros. Na abordagem das quedas foram demostrado pelos alunos como realizar os primeiros socorros como chamar o socorro, a imobilização dos membros com materiais improvisados e o que não se deve fazer; já nas queimaduras, foi abordado os tipos e graus de queimaduras demostrados o que se deve fazer; no engasgo além de apresentar medidas de prevenções foi demostrado e ensinado a manobra de Heimlich .Foram utilizados como recursos materiais de uso domésticos. Resultados: Durante a roda de conversa 23 pessoas participaram ativamente das instruções dadas, tais como realizar a imobilização de membros com materiais improvisados, o que se deve e não deve fazer em casos de queimaduras, como executar a manobra de Heimlich e também acionar o socorro de urgência; houve uma boa compreensão do que foi abordado, esclarecimento de dúvidas e trocas de experiências. Conclusões: É importante a atuação do fisioterapeuta, enfatizado pelo seu papel enquanto promotor de saúde. Para isso deve considerar a manutenção, promoção ou resgate da autonomia e independência do idoso, avaliando seus limites neuromotores e psicossociais, que interferem e estão inter-relacionados nas diferentes dimensões que abrangem o envelhecimento."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "Fisioterapia Gerontológica"
    "palavra_chave" => "ENVELHECIMENTO, PROMOÇÃO DA SAÚDE, FISIOTERAPIA, ACIDENTES DOMÉSTICOS"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV040_MD4_SA5_ID1159_06092015003308.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:59"
    "updated_at" => "2020-06-09 18:43:14"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "DANIELE ARAUJO CORREA DO NASCIMENTO"
    "autor_nome_curto" => "DANIELE ARAUJO"
    "autor_email" => "daniaraujo738@gmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-cieh"
    "edicao_nome" => "Anais IV CIEH"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Internacional de Envelhecimento Humano"
    "edicao_ano" => 2015
    "edicao_pasta" => "anais/cieh/2015"
    "edicao_logo" => "5e49e629f3441_16022020220233.png"
    "edicao_capa" => "5f182cb905404_22072020091033.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2015-09-24 00:00:00"
    "publicacao_id" => 10
    "publicacao_nome" => "Anais do Congresso Internacional de Envelhecimento Humano (CIEH)"
    "publicacao_codigo" => "2318-0854"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 11935
    "edicao_id" => 36
    "trabalho_id" => 1107
    "inscrito_id" => 1159
    "titulo" => "A FISIOTERAPIA TRABALHANDO A PREVENÇÃO DE ACIDENTES DOMÉSTICOS COM UM GRUPO DE IDOSOS NUMA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE DA FAMÍLIA EM CAMPINA GRANDE: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA"
    "resumo" => "Introdução: Com o processo de senescência o indivíduo idoso está mais susceptível aos acidentes domésticos devido ao desenvolvimento das alterações funcionais tais como alterações da postura e da marcha, alterações da acuidade visual, em decorrência de catarata, glaucoma e perda da visão noturna, contribuem para a perda da visão noturna, contribuem para a perda de orientações visuais usadas pelos idosos para mover-se com segurança¹. As quedas constituem a principal causa de morte e de invalidez por trauma nos doentes com idade superior a 75 anos. Porém, as variáveis mais importantes que contribuem para quedas em idosos são as barreiras físicas no seu ambiente, como pisos escorregadios degraus, calçado inadequado e pouca iluminação ². Objetivos: Este estudo teve como objetivo sensibilizar os idosos para prevenção de acidentes domésticos e informar suas principais consequências. Metodologia: Foi realizada uma roda de conversa entre acadêmicos do curso de fisioterapia de uma Instituição de ensino superior com um grupo de idosos de 23 pessoas, sendo apenas um homem, realizado na UBSF do monte castelo na cidade de Campina Grande, onde foi abordado a prevenção de acidentes domésticos mais comuns nesta faixa etária destacando as quedas, queimaduras térmicas e engasgo e a demonstração de seus primeiros socorros. Na abordagem das quedas foram demostrado pelos alunos como realizar os primeiros socorros como chamar o socorro, a imobilização dos membros com materiais improvisados e o que não se deve fazer; já nas queimaduras, foi abordado os tipos e graus de queimaduras demostrados o que se deve fazer; no engasgo além de apresentar medidas de prevenções foi demostrado e ensinado a manobra de Heimlich .Foram utilizados como recursos materiais de uso domésticos. Resultados: Durante a roda de conversa 23 pessoas participaram ativamente das instruções dadas, tais como realizar a imobilização de membros com materiais improvisados, o que se deve e não deve fazer em casos de queimaduras, como executar a manobra de Heimlich e também acionar o socorro de urgência; houve uma boa compreensão do que foi abordado, esclarecimento de dúvidas e trocas de experiências. Conclusões: É importante a atuação do fisioterapeuta, enfatizado pelo seu papel enquanto promotor de saúde. Para isso deve considerar a manutenção, promoção ou resgate da autonomia e independência do idoso, avaliando seus limites neuromotores e psicossociais, que interferem e estão inter-relacionados nas diferentes dimensões que abrangem o envelhecimento."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "Fisioterapia Gerontológica"
    "palavra_chave" => "ENVELHECIMENTO, PROMOÇÃO DA SAÚDE, FISIOTERAPIA, ACIDENTES DOMÉSTICOS"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV040_MD4_SA5_ID1159_06092015003308.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:59"
    "updated_at" => "2020-06-09 18:43:14"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "DANIELE ARAUJO CORREA DO NASCIMENTO"
    "autor_nome_curto" => "DANIELE ARAUJO"
    "autor_email" => "daniaraujo738@gmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-cieh"
    "edicao_nome" => "Anais IV CIEH"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Internacional de Envelhecimento Humano"
    "edicao_ano" => 2015
    "edicao_pasta" => "anais/cieh/2015"
    "edicao_logo" => "5e49e629f3441_16022020220233.png"
    "edicao_capa" => "5f182cb905404_22072020091033.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2015-09-24 00:00:00"
    "publicacao_id" => 10
    "publicacao_nome" => "Anais do Congresso Internacional de Envelhecimento Humano (CIEH)"
    "publicacao_codigo" => "2318-0854"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 24 de setembro de 2015

Resumo

Introdução: Com o processo de senescência o indivíduo idoso está mais susceptível aos acidentes domésticos devido ao desenvolvimento das alterações funcionais tais como alterações da postura e da marcha, alterações da acuidade visual, em decorrência de catarata, glaucoma e perda da visão noturna, contribuem para a perda da visão noturna, contribuem para a perda de orientações visuais usadas pelos idosos para mover-se com segurança¹. As quedas constituem a principal causa de morte e de invalidez por trauma nos doentes com idade superior a 75 anos. Porém, as variáveis mais importantes que contribuem para quedas em idosos são as barreiras físicas no seu ambiente, como pisos escorregadios degraus, calçado inadequado e pouca iluminação ². Objetivos: Este estudo teve como objetivo sensibilizar os idosos para prevenção de acidentes domésticos e informar suas principais consequências. Metodologia: Foi realizada uma roda de conversa entre acadêmicos do curso de fisioterapia de uma Instituição de ensino superior com um grupo de idosos de 23 pessoas, sendo apenas um homem, realizado na UBSF do monte castelo na cidade de Campina Grande, onde foi abordado a prevenção de acidentes domésticos mais comuns nesta faixa etária destacando as quedas, queimaduras térmicas e engasgo e a demonstração de seus primeiros socorros. Na abordagem das quedas foram demostrado pelos alunos como realizar os primeiros socorros como chamar o socorro, a imobilização dos membros com materiais improvisados e o que não se deve fazer; já nas queimaduras, foi abordado os tipos e graus de queimaduras demostrados o que se deve fazer; no engasgo além de apresentar medidas de prevenções foi demostrado e ensinado a manobra de Heimlich .Foram utilizados como recursos materiais de uso domésticos. Resultados: Durante a roda de conversa 23 pessoas participaram ativamente das instruções dadas, tais como realizar a imobilização de membros com materiais improvisados, o que se deve e não deve fazer em casos de queimaduras, como executar a manobra de Heimlich e também acionar o socorro de urgência; houve uma boa compreensão do que foi abordado, esclarecimento de dúvidas e trocas de experiências. Conclusões: É importante a atuação do fisioterapeuta, enfatizado pelo seu papel enquanto promotor de saúde. Para isso deve considerar a manutenção, promoção ou resgate da autonomia e independência do idoso, avaliando seus limites neuromotores e psicossociais, que interferem e estão inter-relacionados nas diferentes dimensões que abrangem o envelhecimento.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.