Artigo Anais IV CEDUCE

ANAIS de Evento

ISSN: 2447-035X

OS DESAFIOS DA POLÍTICA DO ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO DE ALUNOS COM DEFICIÊNCIA INTELECTUAL: NA PERSPECTIVA DA MEDIAÇÃO DE VYGOTSKY

Palavra-chaves: ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO, DEFICIÊNCIA INTELECTUAL, MEDIAÇÃO Comunicação Oral (CO) / Oral Papers Submission Instituições, processos educativos e políticas públicas
"2015-06-29 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 11358
    "edicao_id" => 33
    "trabalho_id" => 19
    "inscrito_id" => 344
    "titulo" => "OS DESAFIOS DA POLÍTICA DO ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO DE ALUNOS COM DEFICIÊNCIA INTELECTUAL: NA PERSPECTIVA DA MEDIAÇÃO DE VYGOTSKY"
    "resumo" => "De acordo com a mediação de Vygotsky, pensar na educação de pessoas com deficiência intelectual é pensar no desenvolvimento e na aprendizagem mediante as Zonas de Desenvolvimento Real e Potencial de forma que a pessoa internalize o que lhe é ensinado. Partindo daquilo que lhe foi suprimido em seu desenvolvimento devido à questão biológica, observando suas vivências no meio histórico e cultural, lhe propondo aprendizado, observando seu déficit nas capacidades funcionais, mas não se fixando a eles, e sim, propondo novos estímulos de suas funções psicológicas superiores, centrando-se na mediação, transformando o biológico em cultural. Teve-se por objetivo investigar se a Política do Atendimento Educacional Especializado – AEE de alunos com deficiência intelectual vinha ocorrendo segundo a perspectiva da mediação de Vygotsky e quais os desafios da Política em relação à sua operacionalização. Os participantes foram 09 professoras de Salas de Recursos Multifuncionais da Rede Municipal de Educação de São Luís/MA. Os dados foram coletados através de entrevistas semiestruturadas. Os resultados demonstram que o Atendimento Educacional Especializado - AEE que ocorre nas Salas de Recurso Multifuncionais da rede pública municipal de São Luís/MA, não vem ocorrendo, adequadamente, segundo a perspectiva da mediação de Vygotsky, visto à falta de maiores conhecimentos sobre a Defectologia e a Teoria da Zona de Desenvolvimento, pela maioria dos profissionais que atuam no referido serviço."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO) / Oral Papers Submission"
    "area_tematica" => "Instituições, processos educativos e políticas públicas"
    "palavra_chave" => "ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO, DEFICIÊNCIA INTELECTUAL, MEDIAÇÃO"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV047_MD1_SA9_ID344_16032015112528.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:58"
    "updated_at" => "2020-06-10 21:01:33"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "PRISCILA DE SOUSA BARBOSA"
    "autor_nome_curto" => "PRISCILA SOUSA"
    "autor_email" => "priscila.sousa.barbosa@ho"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE LUSÓFONA DE HUMANIDADES E TECNOLOGIA"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-ceduce"
    "edicao_nome" => "Anais IV CEDUCE"
    "edicao_evento" => "IV Colóquio Internacional Educação, Cidadania e Exclusão"
    "edicao_ano" => 2015
    "edicao_pasta" => "anais/ceduce/2015"
    "edicao_logo" => "5e4d8323ac662_19022020154907.jpg"
    "edicao_capa" => "5f17355954223_21072020153505.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2015-06-29 00:00:00"
    "publicacao_id" => 25
    "publicacao_nome" => "Revista CEDUCE"
    "publicacao_codigo" => "2447-035X"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 11358
    "edicao_id" => 33
    "trabalho_id" => 19
    "inscrito_id" => 344
    "titulo" => "OS DESAFIOS DA POLÍTICA DO ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO DE ALUNOS COM DEFICIÊNCIA INTELECTUAL: NA PERSPECTIVA DA MEDIAÇÃO DE VYGOTSKY"
    "resumo" => "De acordo com a mediação de Vygotsky, pensar na educação de pessoas com deficiência intelectual é pensar no desenvolvimento e na aprendizagem mediante as Zonas de Desenvolvimento Real e Potencial de forma que a pessoa internalize o que lhe é ensinado. Partindo daquilo que lhe foi suprimido em seu desenvolvimento devido à questão biológica, observando suas vivências no meio histórico e cultural, lhe propondo aprendizado, observando seu déficit nas capacidades funcionais, mas não se fixando a eles, e sim, propondo novos estímulos de suas funções psicológicas superiores, centrando-se na mediação, transformando o biológico em cultural. Teve-se por objetivo investigar se a Política do Atendimento Educacional Especializado – AEE de alunos com deficiência intelectual vinha ocorrendo segundo a perspectiva da mediação de Vygotsky e quais os desafios da Política em relação à sua operacionalização. Os participantes foram 09 professoras de Salas de Recursos Multifuncionais da Rede Municipal de Educação de São Luís/MA. Os dados foram coletados através de entrevistas semiestruturadas. Os resultados demonstram que o Atendimento Educacional Especializado - AEE que ocorre nas Salas de Recurso Multifuncionais da rede pública municipal de São Luís/MA, não vem ocorrendo, adequadamente, segundo a perspectiva da mediação de Vygotsky, visto à falta de maiores conhecimentos sobre a Defectologia e a Teoria da Zona de Desenvolvimento, pela maioria dos profissionais que atuam no referido serviço."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO) / Oral Papers Submission"
    "area_tematica" => "Instituições, processos educativos e políticas públicas"
    "palavra_chave" => "ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO, DEFICIÊNCIA INTELECTUAL, MEDIAÇÃO"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV047_MD1_SA9_ID344_16032015112528.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:58"
    "updated_at" => "2020-06-10 21:01:33"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "PRISCILA DE SOUSA BARBOSA"
    "autor_nome_curto" => "PRISCILA SOUSA"
    "autor_email" => "priscila.sousa.barbosa@ho"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE LUSÓFONA DE HUMANIDADES E TECNOLOGIA"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-ceduce"
    "edicao_nome" => "Anais IV CEDUCE"
    "edicao_evento" => "IV Colóquio Internacional Educação, Cidadania e Exclusão"
    "edicao_ano" => 2015
    "edicao_pasta" => "anais/ceduce/2015"
    "edicao_logo" => "5e4d8323ac662_19022020154907.jpg"
    "edicao_capa" => "5f17355954223_21072020153505.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2015-06-29 00:00:00"
    "publicacao_id" => 25
    "publicacao_nome" => "Revista CEDUCE"
    "publicacao_codigo" => "2447-035X"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 29 de junho de 2015

Resumo

De acordo com a mediação de Vygotsky, pensar na educação de pessoas com deficiência intelectual é pensar no desenvolvimento e na aprendizagem mediante as Zonas de Desenvolvimento Real e Potencial de forma que a pessoa internalize o que lhe é ensinado. Partindo daquilo que lhe foi suprimido em seu desenvolvimento devido à questão biológica, observando suas vivências no meio histórico e cultural, lhe propondo aprendizado, observando seu déficit nas capacidades funcionais, mas não se fixando a eles, e sim, propondo novos estímulos de suas funções psicológicas superiores, centrando-se na mediação, transformando o biológico em cultural. Teve-se por objetivo investigar se a Política do Atendimento Educacional Especializado – AEE de alunos com deficiência intelectual vinha ocorrendo segundo a perspectiva da mediação de Vygotsky e quais os desafios da Política em relação à sua operacionalização. Os participantes foram 09 professoras de Salas de Recursos Multifuncionais da Rede Municipal de Educação de São Luís/MA. Os dados foram coletados através de entrevistas semiestruturadas. Os resultados demonstram que o Atendimento Educacional Especializado - AEE que ocorre nas Salas de Recurso Multifuncionais da rede pública municipal de São Luís/MA, não vem ocorrendo, adequadamente, segundo a perspectiva da mediação de Vygotsky, visto à falta de maiores conhecimentos sobre a Defectologia e a Teoria da Zona de Desenvolvimento, pela maioria dos profissionais que atuam no referido serviço.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.