Artigo Anais IV CEDUCE

ANAIS de Evento

ISSN: 2447-035X

ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO: BIDOCÊNCIA COMO ESTRATÉGIA DE ESCOLARIZAÇÃO DE ALUNOS COM TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTA

Palavra-chaves: ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO, BIDOCÊNCIA, INCLUSÃO ESCOLAR Comunicação Oral (CO) / Oral Papers Submission Instituições, processos educativos e políticas públicas Publicado em 29 de junho de 2015

Resumo

O presente trabalho apresenta uma pesquisa de campo, de matriz qualitativa, no Colégio de Aplicação da Universidade Estadual do Rio de Janeiro- CAp/UERJ, entre os anos de 2011 e 2012, em uma sala de aula comum do ensino fundamental. A turma era composta de 15 alunos entre cinco e sete anos, sendo que um desses alunos tinha um quadro de Transtorno do Espectro Autista (TEA) e tornou-se o estudo de caso dessa pesquisa. O objetivo do estudo foi analisar o processo de escolarização desse aluno considerando o trabalho de dois professores, concomitantes, com a turma, sendo um professor regente (generalista) e um professor especialista caracterizando a bidocência – modalidade de ensino do atendimento educacional especializado. Para tanto foram realizados 25 encontros para observação in locus e foram feitos registros escritos em um diário de campo, material utilizado para análise dos dados. Percebemos que, durante o período da pesquisa, o aluno apresentou, em geral, dificuldades em relação ao desempenho no âmbito das habilidades acadêmicas frente à utilização de métodos tradicionais, respondendo melhor as propostas de trabalhos estruturados a partir da relação entre as docentes. Assim, a bidocência apresentou-se como uma alternativa eficaz para os casos que exigem uma mediação mais sistemática e individualizada, durante a aula.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.