Resumo Trabalho

FORTALECIMENTO DO VÍNCULO AFETIVO ENTRE PAIS E FILHOS NA PROMOÇÃO DA SAÚDE NA UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA NEONATAL

Autor(es): MARIA SOLANGE NOGUEIRA DOS SANTOS e orientado por KARLA MARIA CARNEIRO ROLIM

Objetivou-se com o estudo relatar a experiência do fortalecimento da promoção do vínculo entre pais e recém-nascidos pré-termo, no ambiente de uma Unidade de Terapia Intensiva Neonatal. Trata-se de um estudo exploratório e descritivo, com abordagem qualitativa, realizado na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal de um hospital de nível terciário, localizado na Regional II em Fortaleza, Ceará, referência estadual no atendimento ao recém-nascido pré-termo de alto risco. O período do estudo compreendeu os meses de junho e julho de 2016. O cuidar do recém-nascido de modo humanizado e individualizado pala equipe de enfermagem vai além dos conhecimentos e habilidades técnicas. Saber cuidar é abrangente, envolve toque, manuseio, interação e comunicação com o bebê, manter a Unidade em condições físicas e ambientais adequadas a fim de oferecer melhores perspectivas de sobrevivência aos bebês. Conclui-se que os pais e o recém-nascido pré-termo precisam ser acolhidos e ajudados no fortalecimento de vínculo afetivo, haja vista a separação abrupta na sala de parto, causada por instabilidade hemodinâmica do neonato, onde o atendimento de alto risco ocorre de forma rápida no encaminhamento do neonato, impossibilitando a troca olhares, o cheiro, o contato pele a pele.

Veja o artigo completo: PDF