Resumo Trabalho

OCTOPUS: UMA PLATAFORMA DE CONTROLE DE PATCH PANELS CONECTADOS A INTERNET

Autor(es): PHABLO MÁRCIO DE PAIVA SOUTO e orientado por LUCAS HIAGO AZEVEDO DANTAS

Muitas empresas de tecnologia investem milhares de reais por ano para poder atender a demanda de seus clientes, mas acabam muitas das vezes passando por dificuldades técnicas para continuar provendo seus serviços, de maneira eficiente e ininterrupta. Um problema que foi observado em uma determinada empresa, mas que é realidade em muitas, é a falta de soluções específicas para monitorar e controlar equipamentos de hardware mais simples, como patch panels, equipamento extremamente comum e utilizado em telecomunicações. A anatel, estatal que regula os serviços de telecomunicações no Brasil, tem leis e regulamentações específicas para empresas provedoras de serviços de telecomunicações e provedores de acesso a internet. Os problemas técnicos que geram interrupção no provimento do serviço contratado pelo cliente geram bastante transtornos e prejuízos às empresas, pela Resolução nº 632, de 7 de março de 2014 regida pela anatel, as empresas que prestam serviços de acesso a internet devem entregar um uptime mínimo de 99,5%, ou seja, durante um mês são toleradas apenas 3h30min sem acesso por parte do cliente, acima disso a empresa pode ser multada e condenada a compensar o cliente de alguma maneira. Outro ponto importante é que períodos acima de 30 minutos sem acesso também podem gerar penalizações a empresa caso o problema seja recorrente. As empresas buscam soluções para diminuir ao máximo problemas de downtime na rede mas nem sempre as soluções disponíveis no mercado atendem a demanda das empresas ou tem um custo acessível, principalmente para os pequenos e médios provedores. Uma consequência disso é a má qualidade dos serviços oferecidos. Devido a novas tecnologias de sensores, meios de comunicação e sistemas computacionais embarcados, tornou-se praticável monitorar em tempo real a condição de comportamento dos equipamentos e realizar reparos de forma rápida e precisa, a eletrônica atualmente permite o uso de microcontroladores que podem desempenhar diversas funções e podem ser utilizados para automatizar tarefas. Tendo em vista a problemática apresentada, este trabalho objetiva a proposição e validação de uma arquitetura que possibilite o efetivo gerenciamento remoto de patch panels a fim de evitar a interrupção de serviços e agilizar a tomada de decisão da equipe responsável por monitorar a rede e seus dispositivos ativos, diminuindo o tempo de inatividade desses equipamentos e os custos operacionais para realizar essa tarefa. De forma específica a solução deve viabilizar: monitoramento individualizado de portas do patch panel; reinicialização dos dispositivos conectados ao Octopus de qualquer local por meio do acesso a internet, seja por computador ou celular; notificações de quando houver alguma falha que alterar o status do equipamento inesperadamente; não necessidade de deslocamento de uma equipe do suporte para fazer o serviço que o Octopus oferece; garantia de menor custo operacional e ganho de tempo em operações dentro da empresa.

Veja o artigo completo: PDF