Resumo Trabalho

A UTILIZAÇÃO DE SIMULADORES COMO RECURSOS PEDAGÓGICOS NO ENSINO DE CIÊNCIAS

Autor(es): FRANCISCO LEANDRO LINHARES FERREIRA e orientado por MÁRCIA RODRIGUES DE SOUSA

O presente projeto busca desenvolver uma nova forma de repassar conteúdos ministrados em sala de aula pelos professores de ciências do ensino fundamental de forma mais lúdica e dinâmica, com o auxílio de simuladores de fácil manuseio onde na maioria dos casos não cobrasse para o seu manuseamento, visando um melhor entendimento de certos experimentos nas áreas de química, física e biologia, segundo Mendes, 2015. A vantagem da simulação é que ela cria uma ambientação realística onde é apresentado ao aluno um problema para que ele tome decisões e execute ações, para Stangherlin, Uhmann, Breem,2014 Um software de simulação, no ensino de química, por exemplo, auxilia a compreensão de equações químicas, pois exige que o aluno tenha conhecimentos acerca de fórmulas químicas das substâncias envolvidas nas reações químicas, com objetivo de melhorar a interação dos alunos com o professor e proporcionar aos alunos um melhor subsídio para a compreensão do conteúdo visto nas aulas, promovendo a instigação do conhecimento, pois desta forma o mesmo consegue imaginar de forma mais detalhada o comportamento de certas experiencias vista somente na teoria pelo professor e enviáveis na realização na sala de aula , com isso o projeto visa o melhor aprendizado e a fixação dos conteúdos. Então estabelecemos desta forma disseminar no projeto em escolas públicas da região, buscando mostra aos professores de cada área a utilização desse recurso didático, um exemplo desses simuladores se encontra na plataforma PhET, desenvolvido pela Universidade do Colorado. Este projeto ainda está em fase de pesquisa, portanto almeja-se as fases de aplicação e conclusão e uma sondagem de informações para torná-lo a publicação.

Veja o artigo completo: PDF