Resumo Trabalho

REFLEXÃO DOCENTE SOBRE A FORMAÇÃO OFERECIDA NO MUNICÍPIO DE FORTALEZA

Autor(es): PETRÔNIO CAVALCANTE e orientado por ANDRÉA DA COSTA SILVA

Este estudo tem como objetivo analisar as convicções docentes acerca das formações ofertadas pela Secretária de Educação de Fortaleza (SME) com quatro docentes dos anos iniciais do ensino fundamental. Refere-se a um trabalho da disciplina Estágio Supervisionado/ Pesquisa e Diagnóstico, no curso Formação de Formadores e os Processos de Coordenação Pedagógica na Educação Básica e no Ensino Superior em uma instituição de ensino superior pública do estado do Ceará e justifica-se pela a importância em se debater a respeito da relação efetiva entre a formação ofertada por um determinado município do Ceará aos seus professores e suas opiniões sobre as articulações incurso neste procedimento formativo. Inicialmente foi feito um estudo bibliográfico sobre à temática Formação de Professores, em continuidade, foi realizada um estudo de caso de abordagem qualitativa por meio de um questionário aberto contendo questões que apoiasse a compreensão da problemática. Após isso, com cuidado analisamos e categorizamos as informações afim de obter reflexões sobre à temática, desta forma enriquecer a pesquisa de acordo com objetivo colocado. A partir desta pesquisa, apreendemos que as formações da SME, em sua maioria, não atendem aquilo que os docentes pensam e precisam para mudar seu fazer pedagógico por falta de nexos com a realidade do professor em sala/formações, sendo preciso buscar melhoramento e enriquecimento de competências, além disso mudanças importantes na formação e na construção da identidade do professor, e sabendo que processo de mudança se passa pela formação continuada. Por tanto, concluímos dizendo que ainda existe um percurso a ser trilhando em busca de qualidade nas formações continuadas que atendam às necessidades dos professores na sua prática pedagógica.

Veja o artigo completo: PDF