Resumo Trabalho

DISCLOSURE E COMPLIANCE: SUA INFLUÊNCIA NA GOVERNANÇA CORPORATIVA

Autor(es): NATALIA PEREIRA FREITAS e orientado por CRISTOVÃO ARARIPE MARINHO

O estudo teve como objetivo identificar a influência da disclosure e compliance na governança corporativa, a partir do que vem sendo discutido e publicado em conceituados periódicos nacionais. Neste sentido, foi realizada uma pesquisa bibliográfica, considerando dois periódicos indicados pela ANPCONT e qualificados pela Capes com Qualis A2: Revista Brasileira de Gestão de Negócio e Contabilidade Vista e Revista. Em cada um desses periódicos, buscou-se por artigos que continham em seu título e resumo, as palavras-chave disclosure, compliance e governança corporativa. Com isso, a coleta contemplou uma amostra de vinte e cinco artigos. Após a identificação dos artigos que compuseram a base de dados, foi realizada, primeiramente, uma avaliação individual de cada artigo, para posterior avaliação agrupada pelas temáticas disclosure, compliance e governança corporativa, utilizando-se da técnica de Análise de Conteúdo. Os resultados apontaram que as ferramentas disclosure e compliance são inevitáveis para que a governança corporativa seja eficiente, visto que são princípios que resguardam e qualificam a transparência das informações publicadas aos investidores, fortalecendo o grau de confiabilidade com a organização, bem como uma busca dessas organizações por alinhamento com as normas internacionais. No mercado corporativo, gerenciar com o disclosure e estar em compliance é indispensável, pois os investidores se sentem mais seguros quando a companhia evidencia mais do que está previsto em lei, demonstrando seriedade e comprometimento organizacional. E a ausência de disclosure e compliance faz com a governança corporativa não cumpra seus objetivos de transparência e seguimento das normas, assim deixando-a deficitária e não elevando a imagem das organizações.

Veja o artigo completo: PDF