Resumo Trabalho

A UTILIZAÇÃO DE KINESIO TAPING EM EQUINOS: REVISÃO DE LITERATURA

Autor(es): EDNA JESSYCA FONSECA MELO e orientado por PAULA BITTENCOURT VAGO

O método Kinesio Taping foi criado pelo quiroprata humano, Kenzo Kase, durante a década de 80, e foi levado até os Estados Unidos da América nos anos de 1990. O Kinesio Taping ficou conhecido mundialmente durante as Olimpíadas no Brasil em 2016. Sua aplicabilidade pode ser usada em pessoas e em equinos, porém algumas indagações devem ser esclarecidas, como a biomecânica do animal, suas diferenças anatômicas e textura da sua pele. O Kinesio Taping são fitas de mecanismo de ação que vão atuar na parte fisiológica do corpo do equino. São conhecidas, também, pelo nome de bandagens funcionais. O presente trabalho tem objetivo de verificar a atualização do método kinesio taping em equinos. O estudo se caracteriza por uma revisão sistemática, na qual foi realizada uma pesquisa eletrônica nos bancos de dados: SciELO (Scientific Eletronic Library), Pubmed, PeDro, LILACS e Bireme, utilizando termos em português e inglês. A busca pela pesquisa ocorreu no mês de agosto de 2017. O estudo Kinesio Taping possui quatro bases, entre eles são: a ativação do fluxo linfático e circulatório, controle da dor e estímulo proprioceptivo das articulações e regularização da atividade muscular. As bandagens funcionais têm o poder do controle da dor que está relacionada às teorias das comportas descritas que os estímulos no sistema somatossensorial seriam despolarizadas, bloqueando o progresso da dor. As informações somatossensorial correspondem ao sistema visual que está relacionado ao sistema proprioceptivo e receptores articulares. Cada um desses elementos fornece uma diferença de estrutura de referência para o controle do corpo. Os elementos (proprioceptivo, receptores articulares) são informações específicas sobre o controle do corpo. Outro efeito descrito é a ativação dos sistemas linfáticos e circulatórios, a bandagem cria convoluções que por meio do efeito elástico e resiliência do material, auxilia o direcionamento e troca de fluidos intersticiais, melhorando assim, o fluxo sanguíneo e linfático O efeito muscular baseia-se na assistência de interação direta da fita na pele em conjunto com a fáscia tanto superficial quanto profunda. Diante desses resultados, concluímos que é de fundamental importância o envolvimento do método kinesio taping em equinos. Sugere-se novas pesquisas e investimentos sejam feitos no ramo da veterinária para que evoluções do método sejam descritas.

Veja o artigo completo: PDF