Resumo Trabalho

COMPREENSÃO E PREVENÇÃO DA INDISCIPLINA NO CONTEXTO ESCOLAR: UMA REVISÃO INTEGRATIVA

Autor(es): EDELINE SOARES FERNANDES e orientado por MILENA MARCINTHA ALVES BRAZ

Este trabalho descreve e analisa as pesquisas sobre a Indisciplina no ambiente escolar encontradas na literatura científica, conforme critérios elencados a seguir, com vista a conhecer de forma mais detalhada sobre a temática supracitada de forma a aprimorar as questões e discussões pertinentes ao projeto de extensão que desenvolvemos na Universidade Estadual do Ceará (Pró - Reitoria de Extensão – PROEX/UECE), intitulado “Universidade e Escola: Articulação de Práticas para a Compreensão e Prevenção do Conflito na Escola”. Além disso, acreditamos ser relevante a compreensão do fenômeno e as formas de soluções encontradas para preveni-lo. Para tanto, o método escolhido foi a Revisão Integrativa. O mesmo tem por finalidade a reunião e a sintetização de pesquisas sobre determinado assunto, de modo a contribuir para o aprofundamento do conhecimento do tema investigado. A questão norteadora da pesquisa foi: Dentre os textos, com a temática “indisciplina na escola” encontrados na literatura científica, quais reflexões conceituais estão sendo produzidas para melhor compreensão do assunto? Buscando ainda saber se há intervenções sendo realizadas para amenizar a problemática da indisciplina escolar e quais são elas? Para tanto, pesquisamos os textos no site A Scientific Electronic Library Online – SciELO usando os descritores “indisciplina e escola”. Dentre os critérios de inclusão adotamos: (a) trabalhos que abordassem a indisciplina na escola, educação infantil e ensino fundamental, sendo excluídos àqueles que tratavam da indisciplina de forma exclusiva nos outros níveis de ensino e (b) àqueles produzidos entre os anos de 2006 e 2016. Neste intervalo de tempo encontramos 20 (vinte) trabalhos, dos quais foram lidos os títulos e resumos, restando 06 (seis) que se enquadraram nos critérios definidos para serem analisados na sua integralidade. Por meio dos resultados observados da nossa revisão integrativa, evidenciamos a impregnação dos interesses sociais na compreensão do tema de indisciplina e conflito no ambiente escolar como um todo, com enfoque na sala de aula, no gênero e sexualidade como determinantes de poder e conflito, na especialização dos professores, organização da gestão, relação gestor e professor, relação escola, família e comunidade. Concluímos que as atividades educacionais continuadas, direcionadas para todos os sujeitos envolvidos no processo de educação, é uma forma eficaz de solução e de estudo. Além disso, um cenário científico sobre o tema foi proporcionado a partir desse trabalho, porém, reiteramos a importância do estudo do tema e meios de intervenção, tendo em vista o número reduzido encontrado de contribuições científicas do tema em abordagem.

Veja o artigo completo: PDF