Resumo Trabalho

MÉTODOS ALTERNATIVOS DE PACIFICAÇÃO DOS CONFLITOS NA JUSTIÇA DO TRABALHO

Autor(es): JADE CAROLINE DE ASSIS BRAUN e orientado por MARIA DO SOCORRO DE ASSIS BRAUN

Pretende-se neste artigo conhecer a conciliação e a mediação, visando entender como funciona a sua aplicabilidade na justiça do trabalho, pois a cultura da judicialização existente nos tribunais tem causado uma morosidade e uma descrença na obtenção dos objetivos pretendidos nos litígios. Trata-se de um estudo de natureza bibliográfica, com abordagem qualitativa, do tipo exploratório e descritivo. A utilização de métodos consensuais de resolução de conflitos apesar de não ser muito difundido nos tribunais trabalhistas, seria uma ferramenta de grande importância para solucionar as demandas que estão acumuladas a espera de julgamento. As instituições jurídicas não estão cumprindo um dos princípios basilares do direito processual, pois a celeridade é essencial para a resolução dos conflitos de forma equitativa. Esta pesquisa apresenta o coaching como técnica para ser usada dentro das formas autocompositivas de pacificação, pois ele ajudaria a estabelecer uma comunicação entre as partes na busca de obter o motivo intrínseco da existência do conflito, facilitando no atingimento de acordos favoráveis e em um tempo hábil. Com isso, o preceito constitucional de prestação jurisdicional seria aplicado da forma devida sem infringi o Estado Democrático de Direito. Todo estudo que possa facilitar o andamento dos processos que já se encontram parado por anos, pode contribuir para melhorar a sociedade com um todo.

Veja o artigo completo: PDF