Resumo Trabalho

SEGURANÇA DO PACIENTE: INDICADORES DE QUALIDADE DA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM NO PÓS-OPERATÓRIO DE CIRURGIA CARDÍACA PEDIÁTRICA AUTOR PRINCIPAL: MARTA MARIA RODRIGUES LIMA

Autor(es): MARTA MARIA RODRIGUES LIMA e orientado por FRANCISCA ELISÂNGELA TEIXEIRA LIMA

RESUMO A segurança do paciente tornou-se, nos últimos 12 anos, um dos pilares de atuação para oferecer uma assistência mais segura aos pacientes, sendo um dos principais temas discutidos em todo o mundo. A utilização de indicadores de qualidade assistencial contribui para a segurança do paciente e direcionamento de melhoria do serviço. Tem-se como objetivo: verificar os indicadores de qualidade da assistência de enfermagem dos pacientes internados, em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) pós-operatório de cirurgia cardíaca pediátrica. Estudo documental, quantitativo, realizado em uma UTI pós-operatória pediátrica, de um hospital terciário referência em atendimento cardiovascular e pulmonar. Compôs a amostra 2.328 pacientes que atenderam aos critérios de inclusão. A coleta foi realizada no relatório de admissão de pacientes e nos livros de ocorrências que são preenchidos diariamente pelas enfermeiras, referentes ao período de 2010 a 2015. Foi aprovado no comitê de ética e pesquisa nº 1.353.931. Como resultados observou-se a ocorrência da perca dos acessos de Cateter Venoso Central (CVC), em 73 (3,2%) pacientes; Extubação acidental em 58 (2,5%) pacientes; Assaduras perianais em 153 (6,6%) pacientes; e ocorrência de lesão por pressão em 120 (5,2%) pacientes. Assim, houve 404 eventos adversos, correspondente a 17,5% da população estudada, quando estavam internados no setor entre os anos de 2010 a 2015. Logo, é importante perceber o trabalho da equipe de enfermagem no gerenciamento de indicadores de qualidade, pois contribui na qualidade do cuidado ao paciente e avalia a assistência prestada, sendo essencial na segurança do paciente. Palavras-chaves: segurança do paciente, enfermagem, indicadores de qualidade.

Veja o artigo completo: PDF