Resumo Trabalho

ANÁLISE DA COMPOSIÇÃO CORPORAL E NÍVEIS DE FLEXIBILIDADE DE CAPOEIRISTAS DA CIDADE DE JOÃO PESSOA - PB

Autor(es): NYSHERDSON FERNANDES DE BARROS e orientado por ROGÉRIO FONSECA DOS SANTOS

A capoeira há alguns anos vem tendo uma ascensão, sendo incorporada nas escolas e instituições de ensino superior, isso se deve a publicação de documentos que inserem a modalidade como componente da disciplina de educação Física, e os benefícios físicos que a mesma promove. Nosso objetivo foi traçar o perfil da composição corporal e verificar os níveis flexibilidade dos praticantes de capoeira da cidade de João Pessoa – PB. A amostragem utilizada foi por conveniência, ou seja, não envolveu sorteio ou cálculo amostral, na qual participaram da pesquisa 18 indivíduos do sexo masculino, com idades entre 18 e 35 anos, todos praticantes de capoeira da cidade de João Pessoa – PB, onde utilizou-se o banco de wells para aferir a flexibilidade e o in body 720 para aferir a composição corporal. Todos os voluntários foram esclarecidos quanto aos objetivos, riscos e benefícios da pesquisa antes de assinarem o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE). identificou-se que 71,42% dos praticantes de capoeira encontram-se com sua composição corporal acima da média, e 38,9% dos praticantes encontra-se acima dos seus níveis de flexibilidade. Os praticantes de capoeira que participaram da pesquisa se encontram com seu percentual de gordura acima dos padrões normais e seus níveis de flexibilidade abaixo da média tida como parâmetro de referência.

Veja o artigo completo: PDF