Resumo Trabalho

ENSINO INTERDISCIPLINAR EM BIOLOGIA: AÇÃO DO PROJETO QUIFIBIOM

Autor(es): FRANCISCA DANIELA LIRA MOTA e orientado por JONES BARONI FERREIRA DE MENEZES

A interdisciplinaridade vem ganhando destaque nas discussões acadêmicas, uma vez que há uma crescente necessidade de articular os diferentes conhecimentos das disciplinas da educação básica. Nesse contexto, o presente trabalho relata as concepeções dos alunos acerca do projeto interdisciplinar QUIFIBIOM, sobretudo as atividades que abrangiam a disciplina Biologia. Esse projeto contempla as disciplinas de Química, Física, Biologia e Matemática. O principal objetivo dessa prática é contribuir através, de experimentos práticos, a ampliação dos conceitos científicos nos alunos, desenvolver metodologias que permitam aos estudantes tornarem-se agentes do seu próprio processo de aprendizagem, estimulando a cultura de trabalho em equipe e dinamizando as aulas de Biologia com aulas motivadoras e atraentes. Este projeto foi desenvolvido com alunos do 1º ano do Ensino Médio de uma escola localizada no município de Novo Oriente-CE. Nesse contexto, foram desenvolvidos e apresentados 7 experimentos (tipagem sanguínea, extrato de vegetais, extração do DNA da banana, quebrando a tensão da água, capilaridade das plantas, ação da catalase, experimento do amido e iodo) de acordo com a escolha dos alunos e o auxílio do professor de Biologia de cada turma. Pelas narrativas positivas dos estudantes constatou-se que houve uma participação ativa destes nas atividades propostas quando relatam que a atuação dos mesmos no projeto contribuiu e os estimulou a estudar biologia e participar de mais trabalhos de caráter científico. Além disso, verificou-se uma ampla aceitação e receptividade dos discentes, inclusive sugerindo a adoção de novas práticas interdisciplinares na escola. Conclui-se que projetos interdisciplinares são importantes para o processo de ensino-aprendizagem de diferentes áreas do conhecimento. Além disso, proporcionam aos alunos serem sujeitos ativos da própria aprendizagem.

Veja o artigo completo: PDF