Resumo Trabalho

DESAFIOS ENCONTRADOS POR ALUNAS DE LICENCIATURA EM QUÍMICA PARA DESENVOLVER UM EXPERIMENTO DE QUÍMICA EM UMA ESCOLA MUNICIPAL EM SERRA TALHADA - PERNAMBUCO

Autor(es): ANDRÉA PIRES VANDERLEY e orientado por VERIDIANA DA SILVA SANTOS

Introdução: O ensino tradicional é administrado de forma que o aluno saiba inúmeras fórmulas, decore reações e propriedades, mas sem relacioná-las com a forma natural que ocorrem na natureza. Trabalhar com as substâncias, aprender a observar um experimento cientificamente, visualizar de forma que cada aluno descreva o que observou durante a reação, isto sim leva a um conhecimento definido (QUEIROZ, 2004). As atividades experimentais permitem ao estudante uma compreensão de como a Química se constrói e se desenvolve, ele presencia a reação ao “vivo e a cores”, afinal foi assim que ela surgiu através da Alquimia, nome dado à química praticada na Idade Média. Objetivo Geral: Desenvolver um experimento de química utilizando corantes artificiais e massinha de modelar. Objetivos Específicos: 1. Identificar as cores primárias e secundárias; 2. Desenvolver a criatividade utilizando a massa de modelar; 3. Brincar utilizando as cores e a textura. Metodologia: O experimento foi realizado em uma Escola Municipal da zona Rural do Município de Serra Talhada em Pernambuco. Participaram da atividade 15 alunos no turno da manhã, nas turmas do Pré 1 e Pré 2. O experimento consiste em elaborar fatias de massinha utilizando os corantes artificiais, com as cores primárias (vermelho, amarelo e azul) e secundárias (verde, roxo e laranja) de forma alegre, divertida e de cunho bastante didático e recreativo. Resultados: Várias interferências ocorreram na Escola durante a realização do experimento, dificultando e atrapalhando o desenvolvimento e conclusão da atividade; 1. O atraso na arrumação da sala de aula para a realização da atividade; 2. a falta ou atraso da merenda escolar; 3. Mãe de aluno em sala de aula; 4. Professora tentando adequar a linguagem das alunas de química à linguagem das crianças; 5. Pressão do tempo para a realização das atividades; 6. Alunos com dificuldade em distinguir as cores primárias das secundárias; 7. Alunos brincaram se divertiram desenvolvendo a criatividade utilizando a massinha de modelar. Conclusão: Percebeu-se o quanto é difícil aplicar um experimento em sala de aula, na rede municipal da zona rural. A alimentação para as crianças é fundamental, pois algumas esperam ter a primeira refeição do dia na Escola. Entende-se que o curso de Licenciatura vai além da pedagogia, mas caminha junto com o socioeconômico e político. Espera-se que dias melhores cheguem para a educação brasileira.

Veja o artigo completo: PDF