Resumo Trabalho

A CONSTRUÇÃO DE UMA IDENTIDADE PROFISSIONAL DOCENTE E A CRISE DE IDENTIDADE

Autor(es): ERIKA LETICIA DE ALMEIDA SILVA e orientado por DRª. MEYRE-ESTER BARBOSA DE OLIVEIRA

O presente trabalho se insere no âmbito dos estudos sobre a formação de professores, enfocando a temática da construção da identidade profissional. Temos como objetivo refletir acerca do processo de construção da identidade docente, analisando os elementos que configuram a crise de identidade no cenário contemporâneo. Esta pesquisa é de caráter qualitativo e de natureza exploratória. Seu desenvolvimento se deu em duas etapas, a saber, na primeira, procedemos com uma revisão da literatura com base nos estudos de Nóvoa (1991), Vicentini; Lugli (2009), Penin (2009), Pimenta (1999), Pereira; Martins (2002) e Freire (1987), na perspectiva de investigarmos o contexto histórico no qual se desenvolveu a profissão docente no Brasil, buscando refletir com relação ao processo de construção da identidade profissional e acerca da crise de identidade docente. Na segunda etapa, realizamos uma entrevista com uma professora que concluiu a sua graduação em pedagogia no ano de 2011, na Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) e que atua nos anos iniciais do ensino fundamental. No decorrer deste trabalho interpretamos as contribuições da professora entrevistada acerca de três eixos norteadores da investigação: exercício profissional, identidade docente e formação profissional, tomando como base as leituras reflexivas sobre a temática abordada. A partir da análise dos dados produzidos na entrevista refletimos sobre o processo de construção da identidade docente que entrelaça aspectos da história de vida, da formação e do exercício profissional. Sendo um movimento contínuo que perpassa todo o processo de profissionalização envolve sucessivos processos de construção e reconstrução. Acreditamos, portanto, que este estudo contribuiu para ampliarmos a compreensão sobre o processo de profissionalização docente e, no âmbito desse processo, o de construção da identidade profissional, identificando os fatores objetivos e subjetivos que perpassam essa construção, bem como os fatores que se tornam responsáveis por gerar a crise profissional e de que forma essa construção de identidade pode contribuir para uma melhor atuação e qualificação profissional docente.

Veja o artigo completo: PDF