Resumo Trabalho

VIGOTSKI E OS FUNDAMENTOS DE UMA PSICOLOGIA DE BASE MARXISTA: APONTAMENTOS INICIAIS

Autor(es): MARIA RAFAELA DE OLIVEIRA e orientado por ADÉLE CRISTINA BRAGA ARAUJO

Lev Vigotski foi um teórico russo que iniciou seus estudos muito jovem e faleceu precocemente por uma tuberculose. Sua genialidade era admirável e hoje é considerado um dos principais autores da psicologia do desenvolvimento e da aprendizagem. Suas produções são utilizadas principalmente nas licenciaturas em geral. Por vezes nos deparamos com suas pesquisas atreladas a autores construtivistas como Piaget e Wallon. Neste trabalho apresentamos Vigotski fundamentado pela teoria marxista, onde procuramos investigar os apontes que direcionaram Vigotski a elaborar uma Psicologia marxista, abordando, nesse sentido, os elementos basilares do pensamento vigotskiano, sua trajetória pessoal, acadêmica, profissional e suas obras. Aqui, percorremos a formação da Troika, nome dado ao grupo composto por Vigotski, Leontiev e Luria, os quais formaram a Psicologia Histórico-Cultural, vertente que recupera o trabalho como complexo fundante dos seres humanos, propondo a categoria da atividade como principal para o desenvolvimento dos indivíduos e para a transformação qualitativa do homem e da sociedade. Realizamos uma pesquisa de caráter teórico-bibliográfico, baseada principalmente nas obras de Carmo (2008), Duarte (2001), Tuleski et al (2013), dentre outros pesquisadores que colaboraram para o desenvolvimento desse estudo. Para elaborar o conhecimento científico tomamos por base o materialismo histórico-dialético que abrange uma análise crítica da realidade objetiva. Ousamos adiantar que as discussões estabelecidas nesse estudo podem contribuir com a formação de futuros professores e de docentes atuantes na rede da educação básica. Além de conhecermos os pontos de partida, fundamentados no campo marxiano das obras elaboradas por esse autor tão renomado nas áreas da Psicologia e da Educação.

Veja o artigo completo: PDF