Resumo Trabalho

PSICOPEDAGOGIA HOSPITALAR: O VÍNCULO MÃE/BEBÊ E O ALEITAMENTO

Autor(es): ANNY WANNESKA LOUREIRO BRÁS e orientado por MARISA PASCARELLI AGRELLO

O estudo aborda a Psicopedagogia no cenário Hospitalar, na perspectiva de transformar esse ambiente em um espaço mais humanizador, por meio da atuação psicopedagógica e de equipes multi/inter/transdisciplinares, onde o psicopedagogo utilize instrumentos próprios da psicopedagogia proporcionando resultados positivos na aprendizagem e no estado clínico de mães, objetivando proporcionar que esse ambiente seja alegre e dinâmico, através de projetos socializadores que possibilitam sonhos, fantasias, transformando a medicina em uma nova medicina, onde equipes de multiprofissionais são também os atores neste cenário. A pesquisa baseia-se a partir de relatos de experiências de oficinas psicopedagógicas e da observação do ambiente físico hospitalar em duas grandes instituições de saúde pública do município de Fortaleza-Ce. Foi observado, durante a pesquisa que as oficinas resultaram mudanças no ambiente físico hospitalar, tornando-o mais alegre e aconchegante aonde essas mães aprenderam a confeccionar objetos úteis para seu dia-a-dia e estimulando-se a ideia de geração de renda extra para aquelas pacientes que tiverem interesse de fazer um trabalho lucrativo em casa, instigando-as a realização dos trabalhos. O estudo possibilitou concluir que as ações da psicopedagogia no hospital trouxeram novas perspectivas e desafios para as pacientes no que diz respeito aos aspectos motores, afetivos, cognitivo e pedagógico pois as técnicas utilizadas buscam desenvolver esses aspectos. O Psicopedagogo, com seu conhecimento didático, metodológico e criativo, podem integrar seus saberes aos demais saberes que já está neste contexto e com isso promovermos novos olhares em ambiente hospitalar.

Veja o artigo completo: PDF