Resumo Trabalho

SISTEMATIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM AO PACIENTE COM OSTEOMIELITE E ANEMIA FALCIFORME: RELATO DE EXPERIÊNCIA

Autor(es): LETÍCIA MACHADO DE SOUSA, MAÍRA MARIA LEITE DE FREITAS, VITÓRIA PAULO DE MEDEIROS e orientado por ANTONIO DEAN BARBOSA MARQUES

A OSTEOMIELITE É CARACTERIZADA COMO UMA INFLAMAÇÃO GRAVE E PERSISTENTE DO TECIDO ÓSSEO. É RESULTADO DO AUMENTO DA PRESSÃO INTRAMEDULAR QUE GERA UM DESLOCAMENTO PERIOSTEAL, CAUSANDO TROMBOSE VASCULAR E NECROSE ÓSSEA, QUE OCORREM QUANDO UM TECIDO DE GRANULAÇÃO CIRCUNCIDA O OSSO NECROSADO, EVIDENCIANDO UM EXSUDATO INFLAMATÓRIO QUE É A CARACTERÍSTICA PRINCIPAL DA DOENÇA. JÁ A ANEMIA FALCIFORME É UMA DOENÇA GENÉTICA HEMOLÍTICA DE CARÁTER AUTOSSÔMICO RECESSIVO, E É UMA DOENÇA QUE SE CARACTERIZA PELA ALTERAÇÃO NO FORMADO DAS HEMÁCIAS E QUE CONSEQUENTEMENTE AS MESMAS NÃO CONSEGUEM CIRCULAR ADEQUADAMENTE NA MICROCIRCULAÇÃO RESULTANDO TANTO EM OBSTRUÇÃO DO FLUXO SANGUÍNEO CAPILAR COMO EM SUA PRÓPRIA DESTRUIÇÃO PRECOCE. ESTUDO DESCRITIVO, DO TIPO RELATO DE EXPERIÊNCIA, REALIZADO A PARTIR DA EXECUÇÃO DA SISTEMATIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM A UM PACIENTE COM OSTEOMIELITE E ANEMIA FALCIFORME. FORAM TRAÇADOS OS DIAGNÓSTICOS DE ENFERMAGEM UTILIZANDO A TAXONOMIA II DA NANDA E FORMULADO RESULTADOS E INTERVENÇÕES DE ENFERMAGEM. OS PRINCIPAIS DIAGNÓSTICOS TRAÇADOS FORAM: DOR AGUDA, PERFUSÃO TISSULAR PERIFÉRICA INEFICAZ E DEAMBULAÇÃO PREJUDICADA. OS RESULTADOS ESPERADOS FORAM: ALÍVIO DA DOR, PERFUSÃO ADEQUADA E RECUPERAÇÃO DA CAPACIDADE DE CAMINHAR DE FORMA INDEPENDENTE, SEM USO DE DISPOSITIVO AUXILIAR. PARA O ALCANCE DOS RESULTADOS AS INTERVENÇÕES TRAÇADAS FORAM: ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS PRESCRITOS, MEIOS FÍSICOS PARA ALIVIO DA DOR. A OPORTUNIDADE DE EXECUTAR O PLANO DE CUIDADOS BASEADO NAS NECESSIDADES APRESENTADAS PELO PACIENTE PROPORCIONA GRANDE ENRIQUECIMENTO PROFISSIONAL PARA OS DISCENTES DE ENFERMAGEM, POIS UTILIZAR A SISTEMATIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM EVIDENCIA A RELEVÂNCIA DOS CUIDADOS DE ENFERMAGEM PARA A RECUPERAÇÃO CLINICA DO PACIENTE.

Veja o artigo completo: PDF