Resumo Trabalho

APLICAÇÃO DO CEP NA ANÁLISE DAS CARACTERÍSTICAS GEOMÉTRICAS (ALTURA, COMPRIMENTO E LARGURA) DOS BLOCOS CERÂMICOS ESTRUTURAIS PRODUZIDOS POR TRÊS EMPRESAS DA MESORREGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA

Autor(es): CARLOS ALBERTO BEZERRA ALEXANDRE e orientado por ALEXANDRE ARAÚJO BERTINI

A alvenaria estrutural como proposta de uma construção racionalizada, tem demonstrado potencial de uso nas HIS. Em 2002, com o advento do PSQ aplicado ao bloco cerâmico e o incentivo da CEF para seu uso nos programas habitacionais, criou-se um cenário para sua aceitação no mercado nacional. O padrão de referência para o setor foi estabelecido pela NBR 15270/2005 da ABNT. O sistema construtivo com uso de blocos cerâmicos cresceu na última década, mas os estudos de avaliação qualitativa têm sido escassos, refletindo na queda atual de produção. Assim, buscou-se, neste trabalho avaliar as características geométricas (altura, largura e comprimento) dos blocos cerâmicos estruturais produzidos em três empresas (Aqu2, Cau2 e Ita1) da MMF, utilizando a ferramenta CEP, através das análises dos gráficos de controle para as médias e das razões de capacidade produtivas: potencial (RCP) e real (RCPK) dos processos, confrontando os resultados com os padrões da norma vigente. Foi considerado que as empresas somente atendem aos requisitos normativos e têm seus processos sob controle, se este se estender às três variáveis pesquisadas. Os resultados mostraram que que somente a empresa (Ita1), atende a todos os requisitos normativos, quanto à variação das medidas de largura, comprimento e altura; tendo seu processo sob controle para o gráfico das médias, para as três variáveis pesquisadas; porém quando se analisa à capacidade do processo produtivo, nenhuma das 03 empresas produz peças dentro dos limites especificados para um nível pelo menos aceitável, junto as três variáveis pesquisadas; sendo por tanto, incapaz, devendo reavaliarem seus processos produtivos.

Veja o artigo completo: PDF