Resumo Trabalho

A COMUNICAÇÃO EM ENFERMAGEM: ENSINANDO E APRENDENDO A PARTIR DO VÍDEO-ESQUETE

Autor(es): LORENA DA SILVA LIMA e orientado por ELANE DA SILVA BARBOSA

Na enfermagem, a comunicação, concebida como um processo recíproco em que ocorre um compartilhamento de significados, ideias e propósitos, é fundamental para que o profissional possa produzir o cuidado em saúde. Nesse contexto, deve-se ressaltar o processo de formação do enfermeiro, visto que mudanças na atuação do profissional de saúde passam pelo modo como esse sujeito está aprendendo. Sob essa perspectiva, o presente estudo tem como objetivo relatar a experiência da utilização do vídeo-esquete como estratégia de ensino-aprendizagem sobre a temática de comunicação em Enfermagem, na disciplina de Semiologia e Semiotécnica I ministrada no curso de Enfermagem da Faculdade do Vale do Jaguaribe – FVJ, em Aracati-Ceará. Em relação aos aspectos metodológicos, trata-se de relato de experiência, em que se descreve o processo de planejamento e concepção do vídeo-esquete. De início, formulou-se o plano de apresentar situações comuns nos atendimentos da Estratégia Saúde da Família - ESF. As gravações ocorreram nas dependências da residência de uma das integrantes da equipe, após ter sido elaborado o roteiro norteador. Foram gravadas cinco cenas, cada uma com duração de dois minutos: fofoca no ambiente de trabalho; vínculo frágil com as necessidades do sujeito que procura o serviço de saúde; ausência de comunicação não verbal; abordagem verbal equivocada e utilização de linguagem excessivamente técnica. A experiência de realizar esse vídeo foi relevante para o processo formativo e, por conseguinte, o futuro exercício profissional, visto que se pode experienciar os dois lugares da relação terapêutica, constatando as dificuldades enfrentadas na comunicação.

Veja o artigo completo: PDF