Resumo Trabalho

OS ESTUDOS EM JUVENTUDE NO NORDESTE: UM BREVE ESTADO DA ARTE

Autor(es): OSMAR RUFINO BRAGA

Este trabalho apresenta um estudo introdutório ao estado da arte sobre as pesquisas em juventudes, com foco na periferia, no âmbito do Nordeste, e está ligado ao projeto de pesquisa, em andamento, intitulado “Trajetórias e percursos sociais dos sujeitos juvenis: o que forma e educa os jovens e as jovens dos bairros populares da cidade de Parnaíba/PI”, iniciado em 2016. O levantamento inicial foi realizado tomando como referências o período de 2005 a 2015, contemplando as seguintes universidades: Universidade Federal de Alagoas, Universidade Federal do Piauí, Universidade Federal do Pernambuco, Universidade Federal de Sergipe, Universidade Federal da Bahia, Universidade Federal da Paraíba, Universidade Federal do Rio Grande do Norte e Universidade Federal do Maranhão. O estudo se justifica pelo fato de constatarmos que a cidade de Parnaíba (PI), segundo dados do IBGE/2010, possuir cerca de 51% de sua população em extrema pobreza. Apesar desta realidade, a referida cidade encontra-se inserida no cenário do turismo nacional, bem como no Projeto “Rota das Emoções”, alavancado pelo Governo Federal, juntamente com mais quinze municípios da região, pertencentes aos estados do Piauí, Ceará e Maranhão. Em última análise, o que se percebe é que as comunidades locais nem sempre ocupam lugar de destaque como os verdadeiros sujeitos a usufruírem do progresso e do desenvolvimento propostos pelos atores empresariais e governamentais. O que verificamos, a exemplo de outras regiões com a vocação e o perfil social, cultural e econômico desta cidade, é a expulsão das populações de seus lugares, as quais não participam dos projetos econômicos apresentados pelas referidos atores. O segmento juvenil é o que mais é afetado, por não ser absorvido pelo setor turístico e outros setores potencializados pelo referido vetor de desenvolvimento

Veja o artigo completo: PDF