Resumo Trabalho

PREVENÇÃO DE ACIDENTES EM CRIANÇAS : RECONHECENDO OS SINAIS DE RISCO DO RECÉM-NASCIDO EM UMA UNIDADE CANGURU

Autor(es): DAIANA RODRIGUES CRUZ LIMA e orientado por FABIANE DO AMARAL GUBERT

Introdução: Acidentes domésticos são aqueles que ocorrem no local de habitação ou em seu entorno, e essa tem se mostrado como uma das principais causas de óbito em crianças no Brasil e gera ônus significativo para o Sistema Único de Saúde (SUS) com atendimentos, internações e cirurgias; constituindo assim um problema de saúde publica já que geram esse custo ao SUS e deixam sequelas, trazendo repercussões sociais, econômicas e emocionais para família e sociedade além de penalizar essas crianças em pleno período de crescimento e desenvolvimento, sendo o desfecho mais trágico desses acidentes o óbito infantil.O ambiente domiciliar é sinalizado como o local de maior predominância de acidentes em crianças, principalmente em recém- nascidos (RN) e menores de 5 anos sendo apontado como principais as quedas, aspiração por corpo estranho, queimaduras, afogamentos em banheiras e intoxicações resultando em mais de 120 mil hospitalizações por ano no Brasil. A falta de cuidados de segurança dos responsáveis ajuda a potencializar ainda mais a chances de ocorrer acidentes com essas crianças.As lesões e envenenamentos são responsáveis por 5 a 6% do total das internações conveniadas pelo Sistema Único de Saúde. Objetivos: Realizar intervenção educativa para promoção e fixação de conhecimentos bem como empoderamento de mães de RNs prematuros sobre o reconhecimento dos sinais de riscos do recém-nascido bem como o favorecimento do vínculo mãe-filho em uma maternidade de Fortaleza-Ce. Metodologia: Roda de conversa e atividade lúdica com frases para responder colando as respostas dos questionamentos nas respectivas perguntas e discussão grupal das respostas sobre os sinais de risco do recém-nascido. Resultados e discussões: Constatou-se a importância do enfermeiro como mediador para promoção da saúde e prevenção de doenças. Conclusão:Ao término da atividade os participantes mostraram-se mais seguros em cuidar do seu RN

Veja o artigo completo: PDF