Resumo Trabalho

EDUCAÇÃO E AFRICANIDADE: AS NARRATIVAS ORAIS DA CHAPADA DOS NEGROS EM ARRAIAS-TO

Autor(es): ROSÂNGILA DOMINGOS GUALBERTO

O presente trabalho é parte de uma dissertação de mestrado ainda em curso. O texto teve por objetivo analisar as narrativas orais dos moradores de Arraias na construção do saber por meio de uma aprendizagem informal transmitida de geração para geração. Dessa forma, o estudo apresenta diálogos entre autores, como: Brandão (2007); Apolinário (2007); Gohn (2006) e outros. As narrativas orais são práticas culturais que consistem nos modos de saberes e fazeres dos arraianos contribuindo para uma educação informal cheia de valores e culturas próprias de sentimentos transmitidos hereditariamente. Desse modo, as análises nos mostram que as narrativas orais da Chapada dos Negros estão em torno da escravidão de seus antepassados negros, de modo que elas refletem um processo de aprendizagem, que por meio da oralidade e dos ensinamentos dos mais velhos ocorre à manutenção desses saberes, que consistem em valores culturais presentes no modo de vida dos arraianos.

Veja o artigo completo: PDF