Resumo Trabalho

SAUDE OCUPACIONAL DO PROFESSOR E A SÍNDROME DE BURNOUT

Autor(es): KARINE DA SILVA MOREIRA, BRUNA VASCONCELOS OLIVEIRA LÔ e orientado por CONCEIÇÃO DE MARIA AGUIAR COSTA MELO

Mediante os mais variados estressores psicossociais e persistentes no dia a dia dos professores e a repercussão em sua saúde, verificou-se a necessidade de se conhecer a Síndrome de Burnout, uma importante patologia ligada à repetição de pressão emocional no ambiente de trabalho. Os objetivos do estudo estão pautados em destacar tal síndrome como importante fator existente e modificante na vida pessoal e profissional do professor, além de contribuir com a comunidade científica, incentivando novos estudos pertinentes ao assunto. Para realização deste trabalho utilizou-se de recursos bibliográficos, sendo esta uma pesquisa exploratória descritiva. Nos resultados obtidos pôde-se verificar que em alguns casos a melhora promoveu ao ser humano um novo olhar para lhe dar com as situações de stress. Não significa dizer que o mesmo não terá mais ocasiões estressantes. Todavia a resposta será diferente, o que contribui no seu desenvolvimento pessoal, mental, social e físico.

Veja o artigo completo: PDF