Resumo Trabalho

GESTÃO DEMOCRÁTICA OU MONOCRÁTICA: UM ESTUDO DE CASO

Autor(es): BRUNO MIRANDA FREITAS, VERIDIANA TORRES DA SILVA e orientado por ELISANGELA ANDRÉ DA SILVA COSTA

Com aprovação da Constituição de 1988 muitas compreensões teóricas foram mudadas a partir do estabelecimento da gestão democrática do ensino público como um princípio constitucional, no intuito de tornar a gestão mais participativa envolvendo todo o âmbito escolar. A partir desse cenário foi criado o Conselho Escolar para que junto com a Gestão pudesse trabalhar colaborativamente na tomada de decisões acerca do desenvolvimento do Projeto Político Pedagógico da escola em suas diferentes dimensões. Buscando compreender a vivência da gestão escolar, identificando seus limites e possibilidades, esta investigação definiu como lócus uma escola estadual de Ensino Médio localizada no município Acarape-CE. Metodologicamente a pesquisa se assenta na abordagem qualitativa, de natureza exploratória, tendo utilizado como estratégias de aproximação com a realidade a entrevista e a observação. Os resultados apontam para a necessidade de formação dos sujeitos para uma melhor compreensão acerca do papel do conselho escolar na gestão.

Veja o artigo completo: PDF