Resumo Trabalho

A CONSTITUIÇÃO DO PROFESSOR (NÃO) LEITOR E SUA PRÁTICA PEDAGÓGICA

Autor(es): KAIZA MARIA ALENCAR DE OLIVEIRA, MARIA ERIDAN DA SILVA SANTOS e orientado por MARIA LÚCIA PESSOA SAMPAIO

Este trabalho tem como objetivo aprofundar a discussão teórica sobre “A formação do professor (não) leitor e suas práticas de leitura em sala de aula considerando essa, como indispensável para a formação do aluno leitor, a pesquisa visa investigar as práticas de leituras dos professores e sua influência no processo de formação desse profissional. Enfocando, as experiências de leituras dos professores em espaços escolares e não escolares, as relações estabelecidas entre essas experiências e sua prática docente, bem como discutir a formação leitora por gosto e não por hábito, além de versar sobre algumas propostas governamentais que primam pela formação leitora do cidadão. Nessa discussão, nos respaldaremos nos estudos de Bosi (1994), Franco (2012), Martins (2007), Maia (2007), Villardi (1997), Tardif (2008), dentre outros, para fundamentar teoricamente esse trabalho. Espera-se que os setores públicos deem maiores contribuições na formação de leitores. Do que se conclui é preciso que se crie e cultive uma cultura de leitura.

Veja o artigo completo: PDF