Resumo Trabalho

LETRAMENTO EM LÍNGUA INGLESA: CONTRIBUIÇÕES DO PROFESSOR

Autor(es): OSIEL COSTA OLIVEIRA e orientado por ADAIR VIEIRA GONÇALVES

O presente trabalho visa a refletir sobre as contribuições do professor de língua inglesa para o ensino desta língua voltado para o desenvolvimento do letramento, ou seja, voltado para uma prática pedagógica que contemple a leitura e a escrita como ações sociais. O trabalho pontuará ações pedagógicas que o professor deve adotar, como agente de letramento, para que o processo de ensino e aprendizagem de conhecimentos linguísticos da nova língua tenha sentido e para auxiliar o aluno no seu desenvolvimento crítico e autônomo, fornecendo-o subsídios que contribuam para um desempenho consciente nas práticas sociais dentro da sala de aula e/ou em qualquer outro contexto onde o uso do inglês se fizer necessário. Este estudo, de cunho bibliográfico, baseia-se nos estudos sobre letramento que entendem letramento como um conjunto de práticas estruturadas social e culturalmente que envolvem na sua composição a tecnologia da língua escrita (FREIRE, 1987; BARTON & HAMILTON; SOARES, 2003; MAGALHÃES; SILVA, 2012; KLEIMAN, 2014). O artigo está dividido em duas seções, além da introdução e considerações finais: na primeira, discuto sobre a relevância de se compreender a gama de significados que integram o termo letramento; na segunda, apresento a postura que o professor de inglês deve assumir como agente de letramento no seu local de trabalho e discuto aportes teóricos que professores de inglês podem utilizar – como subsídios em suas práticas pedagógicas – para tornar o processo de aprendizagem do novo idioma significativo e promissor, contribuindo assim, para que professores e alunos desenvolvam continuamente o letramento em língua inglesa.

Veja o artigo completo: PDF