Resumo Trabalho

A ESCRITA COMO DISPOSITIVO PEDAGÓGICO NO ESTÁGIO OBRIGATÓRIO

Autor(es): MARIA DO SOCORRO ESTRELA PAIXÃO

RESUMO Discutimos no texto, a escrita como dispositivo pedagógico na formação do pedagogo. Partimos da seguinte questão: que sentidos formativos são atribuídos por docentes e discentes do curso de Pedagogia (CP) à escrita no Estágio Supervisionado Obrigatório (ESO)? Como objetivo pretendemos explicar processos e interações vinculadas às orientações e produção da escrita no ESO, em situações que demandam reflexão e crítica. Pressupomos que essa escrita no curso (UFMA) funciona como dispositivo de reflexão e de avaliação do desempenho acadêmico e comporta implicações objetivas e subjetivas. Por meio da Metodologia da Entrevista Compreensiva, dialogamos com o campo investigado e com pesquisas da área. As análises indicaram que os sentidos atribuídos pelos implicados, à atividade de escrita no ESO e à prática de avaliação, têm relação com as concepções de formação defendidas, com a funcionalidade da avaliação realizada e com as condições objetivas a que têm acesso.

Veja o artigo completo: PDF