Resumo Trabalho

AS RELAÇÕES DE GÊNERO ESTEREOTIPADAS NA PRÁTICA DOCENTE: UMA EXPERIÊNCIA NO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DE DOCÊNCIA DA EDUCAÇÃO INFANTIL

Autor(es): CATARINA DE CÁSSIA MOREIRA, SIRLENE MOTA PINHEIRO DA SILVA e orientado por PROFª DRª SIRLENE MOTA PINHEIRO DA SILVA

Este trabalho é resultante do processo de observação no Estágio em Docência da Educação Infantil, do curso de Pedagogia da Universidade Federal do Maranhão, realizado na U.E.B. Sofia Silva, escola da rede pública de São Luís/MA. Objetiva problematizar os papeis de gênero na pratica educativa da educação infantil, bem como suas implicações no reforço das desigualdades sociais de gênero. Como metodologia foi realizada, principalmente, observação participante, tendo em vista o olhar sobre as práticas das professoras envolvidas no processo. Constata que os reforços aos estereótipos de gênero estão presentes na sala de aula, pois a professora tende a fortalecer os processos de desigualdades em suas práticas cotidianas. A separação de brinquedos e a organização de filas por gênero bem como demais aspectos observados intrinsecamente, corroboram para a construção de conceitos errôneos sobre e a distinção de papeis de acordo com o sexo biológico.

Veja o artigo completo: PDF