Resumo Trabalho

CRENÇAS DE AUTOEFICÁCIA E SATISFAÇÃO NO TRABALHO: REFLEXÕES SOBRE A PRÁTICA DOCENTE

Autor(es): ENIZETE ANDRADE FERREIRA, MARIA ROBERTA MIRANDA FURTADO e orientado por MAÉLY FERREIRA HOLANDA RAMOS

Este artigo trata das categorias autoeficácia docente e satisfação no trabalho à luz da Teoria Social Cognitiva de Albert Bandura, como subsídio à reflexão da prática docente. Tem como objetivo discutir a prática docente e sua importância no processo ensino-aprendizagem e de que maneira os construtos autoeficácia e satisfação no trabalho influenciam de forma significa a ação docente. Compreender as categorias autoeficácia e satisfação no trabalho significa dar vazão a novos horizontes dentro do espaço de sala de aula, visto que estas categorias podem contribuir significativamente para um trabalho de qualidade. Por isso é importante considerá-las como elementos de soma no processo educativo. Assim, pode-se concluir que as crenças autoeficácia possibilitam a percepção sobre a capacidade em se desenvolver qualquer atividade, mesmo as desafiadoras e a satisfação no trabalho estimula o desempenho cotidiano com vistas à superação contínua e por isso podem contribuir sobremaneira para uma educação de qualidade.

Veja o artigo completo: PDF