Resumo Trabalho

REDES SOCIAIS: ESPAÇOS DE NARRATIVAS SOBRE O COTIDIANO ESCOLAR

Autor(es): ANTÔNIO CARLOS SEGUNDO e orientado por MARIA APARECIDA GOMES BARBOSA

Este estudo analisa as narrativas dos alunos universitários sobre as interações pedagógicas nas salas de aula nas Universidades da região Nordeste. O objetivo deste estudo é identificar o espaço virtual, as redes sociais, como espaço interativo, diferentemente do espaço da sala de aula universitária, na qual, os estudantes interagem pouco com seus professores. Este estudo ancora-se em Bruner (2001), especificamente sobre o Modo de Pensamento Narrativo, que promove esta interação entre os agentes presentes na academia, além do que os jovens formulam um conceito de Si mesmo e de mundo. Os recortes das falas dos estudantes deste estudo foram coletados nas redes sociais – WhatsApp. Nos achados deste estudo consta-se que os estudantes universitários precisam ter voz, na academia, assim como têm nos trombones digitais, caso contrário, o graduando continuará ingressando na universidade como um sujeito narrativo que é, e engessando, aos olhos da academia um sujeito cartesiano.

Veja o artigo completo: PDF