Resumo Trabalho

RELAÇÕES DE GÊNERO NA UNIVERSIDADE: A REALIDADE DE ESTUDANTES DE GRAJAÚ

Autor(es): PATRÍCIA COSTA ATAIDE, RAMON LUIS DE SANTANA ALCÂNTARA

Este artigo versa sobre as Relações de Gênero Universidade, tomando-se por base estudantes de universidade pública na cidade de Grajaú, no Maranhão e está inserido no eixo Diversidade, Gênero e Sexualidade. Tem-se por objetivo analisar as relações de gênero entre os estudantes de uma universidade pública em Grajaú, no Maranhão. Utilizaram-se como procedimentos metodológicos a pesquisa bibliográfica, a observação direta, a análise do discurso e as entrevistas com estudantes universitários. Buscou-se fundamento em Foucault (2004), Bourdieu (1999), Saffioti (1987), Sohiet (2009), entre outros. Os resultados deste estudo nos levaram a compreender que as relações de gênero na universidade reproduzem as práticas sexistas e tendenciosas à manutenção da hegemonia masculina e, por isso, torna-se necessário investir na formação de professores(as) e alunos(as) como forma de prevenção e enfrentamento de práticas discriminatórias contra mulheres e homens.

Veja o artigo completo: PDF