Resumo Trabalho

ESTRATÉGIAS DIDÁTICO-PEDAGÓGICAS DE PREVENÇÃO E COMBATE À DENGUE

Autor(es): ANA CÉLIA LOPES CAVALCANTE, MARIA RAVELLI CORDEIRO XAVIER e orientado por ANTÔNIO ROBERTO XAVIER

A dengue tem se apresentado como uma ameaça epidêmica à saúde das pessoas. As formas de combate não têm sido eficientes, exigindo, necessariamente políticas de prevenção. Deste modo, esta escrita tem por escopo principal demonstrar que as escolas podem ser locais propícios e ideais ao desenvolvimento de ações didático-pedagógicas para a prevenção e combate a “epidemia” da dengue provocada pelo mosquito Aedes Aegypti que tem assolado o Brasil nas últimas décadas. Metodologicamente este artigo seguiu as diretrizes de um trabalho bibliográfico de abordagem qualitativa com análise de conteúdo empírico. O texto está dividido em tópicos, que abordam as causas e consequências do adoecimento causado pelo dengue, as possíveis estratégias didático-interdisciplinares de ensino-aprendizagem e apresenta 33 sugestões de ações de prevenção à dengue a serem ensinadas nas escolas. Em conclusão, alguns resultados são antecipados mostrando dessas estratégias didático-pedagógicas podemos obter ganhos significativos no tocante à prevenção da dengue.

Veja o artigo completo: PDF