Resumo Trabalho

OFICINAS PEDAGÓGICAS DE MATEMÁTICA: QUAL A MOTIVAÇÃO PARA ESTUDANTES E PROFESSORES?

Autor(es): CAMILA PEREIRA DE ALMEIDA, CAROLINE SILVA RODRIGUES, MARIA ALVES DE AZEREDO

Este trabalho tem por objetivo discutir o que motivou os participantes de um projeto de formação inicial e continuada por meio de Oficinas Pedagógicas. Entendemos que este se constitui em uma possibilidade real de contribuição na formação de estudantes de Pedagogia, na área de Educação Matemática e de professores que já atuam na rede pública. A relação teoria e prática tem sido uma exigência em todos os documentos que orientam e norteiam a formação profissional, principalmente dos professores da educação básica. Nessa perspectiva, a ideia que fundamenta nossa iniciativa é a possibilidade de um diálogo efetivo entre estudantes de Pedagogia e professores que já atuam em escolas públicas nos anos iniciais por meio de um espaço formativo rico e dinâmico. A partir do diagnóstico aplicado, no que se refere à motivação para a participação nas oficinas, obtivemos respostas que podemos agrupar em três categorias: respostas que se referem a formação pessoal de forma geral (acadêmica); respostas sobre aprofundamento do conteúdo matemático, especificamente; e respostas que se direcionam ao trabalho docente. Concluímos afirmando que embora o grupo seja diverso no que se refere à formação e, portanto, aos interesses relativos a essa formação, o espaço de encontro entre alunos e docentes é produtivo e necessário. Palavras-chave: Oficinas pedagógicas. Ensino de Matemática. Formação docente.

Veja o artigo completo: PDF