Resumo Trabalho

ESTUDO SOBRE A ABORDAGEM DE JOGOS MATEMÁTICOS NAS TURMAS DO ENSINO MÉDIO DE UMA ESCOLA PÚBLICA.

Autor(es): RAFAEL DIEGO SILVA e orientado por LUCÍLIA BATISTA DANTAS PEREIRA

O ensino de Matemática há muito tempo vem sendo questionado pela forma como seus conteúdos são transmitidos, tendo em vista que existe uma grande insatisfação por parte da sociedade sobre os métodos de ensino nas escolas. Por isso, o presente trabalho busca investigar a utilização de jogos matemáticos no Ensino Médio, por meio de uma pesquisa com alunos e professores de uma escola pública da cidade de Petrolina-PE, para saber se os jogos estão sendo utilizados pelos professores de Matemática do ensino médio de uma Escola pública de Petrolina, e identificar o que os alunos e professores compreendem a respeito do uso de jogos. A pesquisa desenvolvida teve uma abordagem do tipo qualitativa, assim, para responder a essa questão, aplicaram-se dois questionários com perguntas abertas e fechadas, contemplando os alunos e professores do 1º, 2º e 3º anos do ensino médio da escola campo de pesquisa, desta forma participando todos os anos do ensino médio. Também possibilitou a comparação e análise dos resultados por meio de gráficos, ficando evidente que a maioria dos professores da escola pesquisada não está fazendo uso de atividades de jogos didáticos, de acordo com as respostas dos alunos, porém sabe–se que esse critério apenas das respostas dos alunos não seja suficiente para afirmar, já que os professores admitiram que utilizam jogos. Assim, a pesquisa mostrou ainda que os alunos sentem falta de aulas dinâmicas, e também que os discentes gostam dos jogos didáticos, cabe aos professores aproveitarem e fortalecerem o conhecimento matemático dos seus alunos. Por outro lado, os professores são pressionados a cumprirem a grade curricular e, com isso, afirmaram que os jogos tomam muito tempo antes e durante a aula.

Veja o artigo completo: PDF