Resumo Trabalho

O USO DE JOGOS COMO RECURSO PEDAGÓGICO NO ENSINO DA COMBINATÓRIA E DA PROBABILIDADE COM ALUNOS DO 8º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL

Autor(es): PATRICIA DE MEDEIROS SILVA e orientado por JAQUELINE APARECIDA FORATTO LIXANDRÃO SANTOS

O presente trabalho foi delineado para identificar os conceitos sobre combinatória e probabilidade e os problemas que emergem em situações de jogo. A pesquisa possui cunho qualitativo procura compreender o que se revela em um trabalho pedagógico com alunos do 8º ano do Ensino Fundamental feito a partir da perspectiva da problematização para responder ao problema de investigação "Quais as contribuições do jogo desenvolvido em uma prática problematizadora no desenvolvimento dos conceitos combinatórios e probabilísticos dos alunos do 8º ano do Ensino Fundamental II?" Os objetivos são: identificar as ideias sobre combinatória que surgem do processo presente a problematização em sala de aula e buscar indicativos da contribuição de um estudo com jogos para o desenvolvimento de conceitos combinatórios. Para tanto foi desenvolvido o jogo “Corrida de Cavalos” em contexto de sala de aula. Os sujeitos da pesquisa foram 27 alunos do 8º Ano do Ensino Fundamental, com idades entre 12 e 18 anos. Os dados foram analisados qualitativamente, os resultados mostraram que no contexto de jogo os alunos observaram diversas possibilidades e reflexões para uma melhoria ou aperfeiçoamento das estratégias de jogo, e consequentemente o desenvolvimento de conceitos de combinatória e probabilidade aperfeiçoando seus conceitos matemáticos. A pesquisa possibilitou aos alunos observar possibilidades combinatórias, a regularidade de possibilidades de somas que os levaram a conjecturar hipóteses, a levantar dados, a fazer registros e analisar os procedimentos decorrentes das atividades relacionadasaos jogos. Além disso, instigou-os a leitura e interpretação de regras dos jogos, a resolução de problemas e a realização de registro.

Veja o artigo completo: PDF